23 Principais Pontos Turísticos de Budapeste

Europa Leste Europeu 23 Principais Pontos Turísticos de Budapeste

Descubra os maravilhosos pontos turísticos de Budapeste, a capital da Hungria, que é uma das maiores cidades da Europa e considerada por muitos uma das mais belas do mundo. A cidade é cortada ao meio em sentido norte-sul pelo lendário rio Danúbio, que a divide em duas: do lado esquerdo, fica Buda, e do lado direito, Peste.

Essas duas partes foram cidades independentes, que surgiram e cresceram de forma autônoma, ao longo dos séculos, e só foram unificadas em 1873, com o nome de Budapeste.

As duas partes da cidade, apesar de terem sido unificadas, apresentam características bem diferentes. Buda é a parte mais antiga, com construções e monumentos de épocas bem remotas e ruas antigas com um belo casario histórico.

Mas basta atravessar a Ponte das Correntes para chegar em Peste, a parte mais animada e moderna da cidade, com largas avenidas, parques públicos, arquitetura mais recente e diversas opções de bares e restaurantes.

De todas as maneiras de explorar uma nova cidade durante suas viagens, nada supera o Free Walking Tour. Visite os pontos turísticos de Budapeste descobrindo sua rica história, ouvindo os contos autênticos e explorando raridades escondidas que somente os locais conhecem, visite e expanda seu conhecimento de Budapeste em algumas horas. Lembre-se apesar do passeio ser grátis, as gorjetas são muito bem vindas!

Em Budapeste existem dois tipos de Free Walking Tour:

1. O Free Walking Tour pela Budapeste Tradicional: Apaixone-se pela pérola do Danúbio com esta visita guiada pela capital da Hungria. Percorreremos o Parlamento, a praça Erzsébet e muito mais! Além disso, é grátis!

Reserve o Free Walking Tour

2. O Free Walking Tour sobre a Segunda Guerra Mundial: Reviva o Cerco de Budapeste, uma das batalhas mais importantes da Segunda Guerra Mundial. Este free tour lhe contará a história de um dos episódios mais tenso do século XX. E é grátis!

Reserve o Free Walking Tour – 2ª Guerra Mundial

Um outra opção também existente no mundo inteiro é o Ônibus Hop-On Hop-Off que leva você pela cidade seguindo rotas definidas. Você pode entrar e sair do ônibus em qualquer uma das paradas designadas para explorar tudo o que Budapeste tem a oferecer. As paradas estão localizadas estrategicamente em toda a cidade, permitindo que você se desloque com facilidade e visite as atrações mais populares

Compre o Ticket

A seguir, listamos os principais pontos turísticos de Budapeste, para você conhecer e aproveitar o que os dois lados da cidade tem de melhor para oferecer.

 1.  Castelo de Buda

Castelo de Buda
Castelo de Buda

O Castelo é, com certeza, a construção mais famosa da parte esquerda do Danúbio. Situa-se na histórica Colina de Buda, um dos pontos mais elevados da cidade. Foi inicialmente construído na Idade Média, mas essa primeira construção foi destruída.

Depois, passou por sucessivas reconstruções e destruições ao longo de sua história. O grande edifício em estilo barroco que vemos hoje data do século XVIII.

Durante os séculos serviu de residência para os reis húngaros. Hoje, funciona como um grande complexo turístico. Um dos maiores pontos turísticos de Budapeste, possui inúmeras atrações. Abriga diversos monumentos, fontes, estátuas, jardins e vários museus.

Os que mais se destacam são a Galeria Nacional Húngara, que reúne obras de artistas húngaros de todas as épocas, e o Museu de História de Budapeste, que conta a história do surgimento e desenvolvimento da cidade.

Mas se o Castelo e seus museus são imperdíveis, por sua importância histórica e cultural, talvez a maior atração de lá seja a vista. Por estar localizado no alto de uma colina, de lá é possível ver grande parte de Peste.

Principalmente ao anoitecer, quando as luzes da Ponte das Correntes, do Parlamento e dos demais prédios compõem uma imagem inesquecível.

Castelo de Buda: Excursão Guiada a Pé com Historiador

 2.  Parlamento Húngaro

Parlamento Húngaro - Pontos Turísticos de Budapeste
Parlamento Húngaro – Pontos Turísticos de Budapeste

Se o Castelo é a construção mais famosa de Buda, o Parlamento é a mais famosa de Peste. E mais do que isso: é a construção mais emblemática da Hungria e uma das mais fascinantes da Europa. Foi inaugurado em 1896, para comemorar os 1000 anos do país.

A intenção era expressar o poder econômico da Hungria da época, e para isso não foram medidos esforços. O resultado foi esse prédio gigantesco, extremamente imponente e luxuoso, o mais incrível dentre os pontos turísticos de Budapeste.

A primeira coisa que chama atenção no Parlamento é sua localização. Construído às margens do Danúbio, forma uma paisagem belíssima que pode ser apreciada da outra margem do rio.

Sua arquitetura em estilo neogótico e suas inúmeras torres, bem como suas gigantescas proporções, criam um belo contraste com as águas suaves do rio.

Trata-se de um cenário digno de um conto de fadas, por sua beleza, e de uma história épica por sua magnitude.

Por falar em história épica, na fachada do Parlamento há mais de duzentas estátuas homenageando os reis da Hungria e seus chefes militares, que fizeram parte dos 1000 anos de história do país.

Em seu interior, o que está expresso é a riqueza do país: ouro, pedras preciosas, obras de arte e demais objetos valiosos estão expostos na maior parte das centenas de salas.

Em seu interior está guardado o que talvez seja o objeto mais valioso da Hungria: a Coroa de Santo Estevão. Tida como sagrada, essa Coroa foi usada pelos reis húngaros durante a maior parte de sua história monárquica, e era o símbolo inequívoco do poder real. Lá no Parlamento você poderá vê-la, sob um forte aparato de segurança.

E se é a Coroa o que chama mais atenção dentro do Parlamento, nem por isso o  resto passa despercebido. Suas imensas escadarias, seus quilômetros de corredores com tapetes vermelhos, seus lustres, sua decoração com 40 quilos de ouro, enfim: tudo lá dentro é de um esplendor absoluto, digno do grande país que o edifício representa e da magnífica cidade onde está localizado.

endereco-google-maps O Parlamento fica bem no centro da cidade, às margens do Danúbio.

icone_valor_ingressos O preço dos ingressos é 6.400 HUF, aproximadamente R$90. O ideal é comprar os ingressos com algumas semanas de antecedência, pelo site do parlamento.

Faça uma excursão guiada pelo Parlamento Húngaro, o terceiro maior parlamento do mundo

 3.  Igreja de Matias

Igreja de Matias
Igreja de Matias

A igreja de Nossa Senhora é a mais importante de Buda. Mais conhecida como Igreja de Matias, homenageando um rei que ordenou sua restauração, foi construída no século XI e passou por inúmeras reformas. Sua última modificação ocorreu no século XIX, quando assumiu suas características atuais.

Com uma fachada em belíssimo estilo gótico e um telhado colorido, a igreja parece ter saído de um conto de fadas. Frequentemente há apresentações musicais aqui, e as datas dos concertos são divulgadas no site.

icone_valor_ingressos O ingresso para visitação custa 1.800 HUF, ou aproximadamente R$25,50.

Desfrute de uma visita guiada à Igreja Matias, a igreja mais icônica da Hungria, e aprenda sobre sua rica história

 4.  Bastião dos Pescadores

Bastião dos Pescadores
Bastião dos Pescadores

Esse é um dos mais visitados pontos turísticos de Budapeste. O Bastião dos Pescadores foi construído no final do século XIX, época de comemoração dos 1000 anos da Hungria. Possui várias torres em estilo românico, cada uma representando um dos sete grupos magiares que deram origem ao país.

Possui uma vista maravilhosa da região de Peste, com o Parlamento, a Ponte das Correntes e o Danúbio. O melhor horário para visita é ao entardecer, quando o pôr do sol e as luzes da cidade deixam tudo mais bonito.

O Bastião dos Pescadores fica ao lado da Igreja de Matias, e a entrada é gratuita, com exceção de algumas torres.

A Omio é um site de comparação de preço de Ônibus, Trens e Avião por toda a Europa. Clique aqui para cadastrar e com meu cupom danieg1r6i2v ganhe 10 Euros de desconto na primeira compra.

 5.  Cidadela

Cidadela - Pontos Turísticos de Budapeste
Cidadela – Pontos Turísticos de Budapeste

Também em Buda fica a colina de Géllert, o ponto mais alto da cidade. Lá está a Cidadela, uma fortaleza construída pelos alemães durante no século XIX. A fortaleza funciona como uma espécie de museu. Abriga uma exposição com estátuas de cera simulando os episódios da guerra, além de uma exposição fotográfica, em que é possível ver as imagens da cidade destruída pelos bombardeios.

Seria uma visita triste se fosse só isso, mas o mais importante da Cidadela não é a construção, com suas exposições sobre o passado da cidade. O mais importante daqui é também a paisagem, a mais bela da cidade.

A vista que se tem daqui é muito parecida com a que se tem da colina de Buda, mas como Géllert é mais alta, a vista da Cidadela se torna mais vasta. 

Budapeste é uma cidade iluminada. Seja a luz do crepúsculo ou a da iluminação pública, elas ressaltam muito mais as cores e a beleza da cidade. E a Cidadela é o lugar ideal para contemplá-las.

A melhor hora para visitação é ao entardecer, para contemplar um pôr do sol indescritível e, mais tarde, o espetáculo das luzes da cidade se acendendo.

endereco-google-maps É possível chegar ao topo da Colina de Géllert a pé, mas é uma subida um pouco difícil. O ideal é subir de ônibus e descer caminhando, o ônibus que vai até lá é a linha 27.

icone_valor_ingressos O ingresso para a Cidadela custa 1.200 HUF, aproximadamente R$17,00.

 6.  Termas de Géllert

Termas de Géllert
Termas de Géllert

Budapeste se localiza sobre a maior fonte de águas termais do mundo, por isso possui inúmeras termas. As águas termais fazem parte da história da cidade, desde a época do Império Romano, atraindo, ao longo do tempo, inúmeros viajantes interessados nos poderes medicinais de suas quentes águas.

Frequentá-las é um hábito comum dos moradores da cidade, e também uma visita imperdível para os turistas.

Perto da Cidadela, ficam as Termas de Géllert. A mais apreciada pelos turistas, esse spa foi construído em 1918. É sem dúvidas um dos mais interessantes pontos turísticos de Budapeste.

Fica anexo a um hotel, mas é possível entrar nas termas sem ser hóspede. Possui uma piscina externa, com água fria e com ondas artificiais, mas a que mais encanta os visitantes é a grande piscina interna.

Tomar um banho aqui, em águas quentes, relaxantes e medicinais, enquanto aprecia a arquitetura do belo salão, em estilo art nouveau, é uma experiência imperdível que só Budapeste pode proporcionar.

icone_valor_ingressos Ingressos a partir de 6.300 HUF, aproximadamente R$90,00. 

Ingressos Termas Géllert: Salão Particular para Casais

 7.  Termas de Rudas

Termas de Rudas | Divulgação
Termas de Rudas | Divulgação

Relaxar enquanto aprende um pouco de história é algo difícil, mas não em Budapeste. Esse balneário, construído no século XVI, quando a cidade estava sob o poder dos otomanos, conserva ainda hoje algumas características originais.

Banhar-se aqui é uma experiência completamente diferente de tudo, e a sensação de estar num outro tempo e numa outra cultura é impressionante.

endereco-google-mapsRudas fica bem perto da Cidadela.

icone_valor_ingressos Os ingressos custam a partir de 3.300 HUF, o que equivale a aproximadamente R$46,50.

 8.  Museu Aquincum

Museu Aquincum
Museu Aquincum

A história de Budapeste é longa. Inicialmente, foi uma cidade criada pelos celtas e mais tarde dominada pelo Império Romano. Essa cidade se chamava Aquinco, nome que significa “água abundante”, em referência às águas termais da região, que já eram desde essa época conhecidas.

Depois de séculos, as ruínas dessa cidade foram descobertas, e assim criou-se o Museu Aquincum. Nesse museu, que é um sítio arqueológico, ficam algumas ruínas de casas, templos, uma terma e outros componentes urbanos do século III, todos em ótimo estado de conservação.

endereco-google-maps Aquinco fica a alguns quilômetros do centro da cidade, portanto é necessário pegar um ônibus ou trem. Os ônibus das linhas 34, 106 e 134 vão até o museu.

icone_valor_ingressos Os ingressos variam de acordo com a época do ano e a quantidade de pessoas. O mais barato custa 1.300 HUF, ou aproximadamente R$18,30.

 9.  Ponte das Correntes

Ponte das Correntes - Pontos Turísticos de Budapeste
Ponte das Correntes – Pontos Turísticos de Budapeste

Depois de termos visto os pontos turísticos de Buda, podemos ir para Peste atravessando a Ponte das Correntes. Essa é a ponte mais famosa da cidade, e atravessa o Danúbio ligando os dois lados de Budapeste. Antes dessa ponte, a única forma de transporte entre as duas cidades iniciais era por via aquática.

Terminada a sua construção, em 1849, o deslocamento entre as duas áreas se tornou mais fácil, e isso possibilitou o processo de unificação dos dois lados, que deu origem à Budapeste..

Com 375 metros de extensão, foi considerada, na época, uma das maiores pontes do mundo, e até hoje é uma das mais famosas e mais belas da Europa. Sua estrutura em ferro, apoiada em duas colunas robustas, se destaca na paisagem da cidade.

De noite se ilumina, e suas luzes se refletem nas águas plácidas do Danúbio. Superando a sua utilidade, a Ponte das Correntes é uma obra de arte, e nos convida muito mais à apreciação que à simples travessia.

 10.  Grande Sinagoga

Grande Sinagoga
Grande Sinagoga

Um dos principais pontos turísticos de Budapeste, a Grande Sinagoga é a segunda maior do mundo, e foi construída em meados do século XIX. Além do tamanho, o que chama a atenção nessa obra é a mistura de estilos, tanto orientais quanto ocidentais, uma vez que a comunidade judaica queria integrar-se entre os húngaros.

Junto com a Sinagoga, fica um cemitério onde estão sepultados os judeus que foram assassinados durante a ocupação nazista, e também um Memorial do Holocausto.

A Sinagoga está localizada no Bairro Judeu, o antigo gueto da cidade. Andar pelas ruazinhas desse bairro pode ser uma atividade muito interessante, tanto pela história quanto pela arquitetura. Há muitos grafites espalhados pelos muros e pelas fachadas, muitas casas abandonadas, e muitos bares e restaurantes.

Os bares foram surgindo em casas abandonadas, e assim se criou o conceito de bar ruína, que usa a degradação natural dos imóveis como uma forma de decoração inovadora. O Bairro Judeu, que possui uma história trágica, é hoje o principal reduto da vida noturna de Budapeste.

endereco-google-maps Pode-se chegar na Grande Sinagoga pegando o metrô Linha 2 – Estação Astoria.

icone_valor_ingressos O ingresso custa 3.000 HUF, aproximadamente R$42,10.

Evite as filas e visite a Grande Sinagoga, faça um tour guiado pela sinagoga e pelo seu pátio

 11.  Basílica de Santo Estevão

Basílica de Santo Estevão
Basílica de Santo Estevão

Sem dúvidas um dos mais conhecidos pontos turísticos de Budapeste, a Basílica de Santo Estevão é a maior igreja católica da cidade, e juntamente com o Parlamento, a construção mais alta da capital húngara. A vista que se tem do alto de suas torres é incrível.

De proporções gigantescas, possui capacidade para 8.500 pessoas. Foi construída durante a segunda metade do século XIX, e seu nome homenageia Estêvão I, o primeiro rei da Hungria. Dentro da igreja está depositada uma mão mumificada desse rei.

icone_valor_ingressos A entrada na Basílica é gratuita, mas aceitam doações. Para visitar a torre, paga-se 500 HUF, aproximadamente R$7,00.

Reserve o Tour Basílica de Santo Estêvão com Acesso à Torre

 12.  Avenida Andrássy

Avenida Andrássy
Avenida Andrássy

Inspirada nos grandes boulevards de Paris, essa é a rua mais importante da cidade e um dos principais pontos turísticos de Budapeste. Foi construída no fim do século XIX, para resolver problemas de trânsito na cidade, e desde o início foi o reduto das famílias aristocráticas da região.

Considerada a Champs-Élysées de Budapeste, divide-se em seções muito bem estabelecidas. Em uma parte, ficam os antigos casarões da aristocracia, belos e imponentes, cercados de jardins. Em outra parte, fica a região comercial, com inúmeras lojas, algumas de grifes famosas.

A Avenida Andrássy liga a Praça Elizabeth à famosa Praça dos Heróis. Ao longo de seus 2,5 km estão situados vários pontos turísticos de Budapeste, como a Casa do Terror, a Ópera, o Teatro das Marionetes e alguns pequenos museus.

Não consigo viajar despreocupado sem um Seguro Viagem! E Você?

Além de ser obrigatório para entrar nos países da Europa, seguro é algo que compramos pensando em não usar, né? Mas, se precisar, ele vai te ajudar: com despesas médicas, extravio de bagagem ou qualquer outro imprevisto.

Utilize o Seguros Promo para fazer a cotação, ela compara os melhores planos das principais seguradoras aos menores preços! Você estará economizando seu tempo e dinheiro, é um investimento barato com tudo que te ajudará em caso de grandes problemas. Você pode pagar no cartão de crédito em até 12 parcelas.

#FicaAtivoNaDica: Utilize o cupom FICAATIVOEVIAJA5 para ganhar 5% de desconto.

Fazer Cotação

 13.  Casa do Terror

Casa do Terror
Casa do Terror

A Casa do Terror, um dos museus mais famosos da cidade, foi criado com o intuito de relembrar os horrores cometidos pelos governos totalitaristas que dominaram a Hungria durante um período do século XX.

Ocupada a princípio pela Alemanha Nazista e logo após pela União Soviética, a Hungria viveu anos de verdadeiro terror durante algumas décadas.

Visitar esse museu é fazer uma viagem no tempo, a um tempo que não é agradável, mas necessário, relembrar.

endereco-google-maps Localiza-se num belo prédio em estilo renascentista, na Avenida Andrássy.

icone_valor_ingressos O ingresso custa 3000 HUF, ou R$42,00.

 14.  Ópera

Ópera Estatal Húngara
Ópera Estatal Húngara

A célebre Ópera Estatal Húngara fica num belíssimo edifício neorrenascentista na avenida Andrássy. Foi construída no final do século XIX, e seu projeto arquitetônico foi escolhido num concurso, como aconteceu em diversos outros prédios públicos da cidade. Possui capacidade para mais de mil pessoas, e sua acústica é uma das melhores da Europa. O interior é belíssimo, com linhas sinuosas e elegantes, e uma maravilhosa pintura cobrindo todo o teto. 

Na Ópera são encenados mais de 100 concertos por ano. Mesmo havendo a possibilidade de fazer uma visita turística durante a tarde, é recomendável que se conheça a Ópera durante um concerto. 

icone_valor_ingressos A visita guiada custa 2.500 HUF, aproximadamente R$35,00. O ingresso para as apresentações é ainda mais barato: a partir de 700 HUF, aproximadamente R$10,00.

Caminhe pelo centro de Budapeste, visite a Basílica de Santo Estêvão e explore o interior da Casa de Ópera para um mini-concerto

 15.  Praça dos Heróis

Praça dos Heróis - Pontos Turísticos de Budapeste
Praça dos Heróis – Pontos Turísticos de Budapeste

A praça mais famosa da cidade não poderia ficar de fora de uma lista com os principais pontos turísticos de Budapeste. Localizada ao fim da Avenida Andrássy e na frente do Parque da Cidade, essa praça fica bem no centro da cidade.

O lugar de destaque é proposital: a praça foi construída em fins do século XIX e primeiras décadas do XX para comemorar os 1000 anos da Hungria. Vários edifícios importantes de Budapeste foram construídos para essa comemoração.

No centro da praça está o imponente Monumento do Milênio, um obelisco de 36 metros de altura, em que se vê, no alto, o arcanjo Gabriel coroando Santo Estêvão, o primeiro rei e fundador da igreja da Hungria.

Abaixo, estão belas estátuas representando os líderes dos sete grupos magiares que deram origem ao país.

A praça é um grande manifesto de nacionalismo, bem típico entre os húngaros, e ao mesmo tempo uma demonstração de genialidade artística.

 16.  Parque da Cidade

Parque da Cidade
Parque da Cidade

Parque mais famoso da cidade e, claro, um dos principais pontos turísticos de Budapeste, o Parque da Cidade, ou Városliget, como é chamado pelos moradores, foi um dos primeiros parques públicos abertos no mundo.

Sua inauguração, aliás, foi também em homenagem aos 1000 anos da Hungria, em 1896.

O Városliget é o principal local de diversão de Budapeste. Se você quer entrar em contato com o modo de vida dos moradores da cidade, não pode deixar de passar uma tarde aqui.

No verão, é um ótimo lugar para caminhar, fazer um lanche ou andar de barco no lago.

No frio, o parque dá espaço para os esportes de inverno: aqui fica a maior pista de patinação no gelo da Europa.

O espaço onde hoje fica o Parque da Cidade era, há séculos atrás, um pântano que a nobreza usava para caçar. Com o tempo, o espaço foi se modificando.

Canalizaram a água e plantaram jardins. Hoje, além de ser o parque mais importante da cidade, abriga diversos pontos turísticos de Budapeste, muitos de enorme importância.

Dentre esses pontos turísticos situados dentro do parque, destacam-se o Zoológico e Jardim Botânico, as Termas de Széchenyi, o Castelo de Vajdahunyad e o Museu de Belas Artes.

 17.  Zoológico e Jardim Botânico

Zoológico e Jardim Botânico
Zoológico e Jardim Botânico

Localizado, como dito acima, dentro do Parque da Cidade, e portanto no centro de Budapeste, esse Zoológico é um dos mais antigos do mundo. Possui mais de 1.000 espécies de animais, dentre as quais algumas muito raras.

icone_valor_ingressos O ingresso custa 3.300 HUF, o equivalente a R$46,30.

Procurando hospedagem em Budapeste pelo melhor preço?
Você sabia que quanto mais cedo você reservar, maior será sua economia paga pela diária! Confira agora diversas opções de hospedagem!

RESERVE AGORA

 18.  Termas de Széchenyi

Termas de Széchenyi - Pontos Turísticos de Budapeste
Termas de Széchenyi – Pontos Turísticos de Budapeste

As termas estão espalhadas por toda a cidade. Localizado dentro do Parque da Cidade, o balneário de Széchenyi é o mais visitado pelos moradores.

Uma das maiores termas da Europa, possui diversas piscinas que agradam a todos os gostos, internas ou externas, nos mais diversos tipos de temperatura. A mais quente, por exemplo, chega a 40ºC.

Banhar-se em Széchenyi é ideal para quem, além de relaxar, quer aproveitar a cidade como os seus moradores a aproveitam. Se for visitar a cidade durante o verão, não deixe de visitar as piscinas externas daqui.

Sempre cheias e animadas, é o lugar ideal para aproveitar uma tarde ensolarada.

endereco-google-maps As Termas de Széchenyi se localizam dentro do Parque da Cidade, e os ingressos variam de acordo com os serviços desejados.

icone_valor_ingressos Os mais baratos custam em torno de 6.400 HUF, o equivalente a R$90,00.

Sem fila: Ingresso de 1 dia para as Termas Széchenyi

 19.  Castelo de Vajdahunyad

Castelo de Vajdahunyad - Pontos Turísticos de Budapeste
Castelo de Vajdahunyad – Pontos Turísticos de Budapeste

Foi construído em 1896, também para celebrar os 1.000 anos da Hungria. Apresenta diversos estilos arquitetônicos, pois a intenção de seu criador era demonstrar a evolução que a arquitetura húngara passou durante esses 1.000 anos.

Cercado de árvores e às margens de um lago, o castelo parece ter saído de um conto de fadas. Sedia o Museu Húngaro de Agricultura, o maior da Europa sobre o assunto.

endereco-google-maps Localizado dentro do Parque da Cidade.

icone_valor_ingressos O Castelo de Vajdahunyad tem entrada gratuita. Para visitar o Museu de Agricultura, que fica dentro do castelo, paga-se 1.600 HUF, ou seja, uns R$22,50.

 20.  Museu de Belas Artes

Museu de Belas Artes
Museu de Belas Artes

Construído no início do século XX, o Museu de Belas Artes fica num lindo prédio em estilo clássico, com um enorme pórtico com colunas greco-romanas. Possui um gigantesco e muito variado acervo.

Os destaques ficam por conta da enorme coleção de arte egípcia, uma das maiores do gênero no mundo, e do acervo de Victor Vasarely, o grande pintor húngaro da op arte, que doou diversas de suas obras para o museu.

endereco-google-maps O Museu de Belas Artes fica ao lado da Praça dos Heróis, bem perto da entrada do Parque da Cidade.

icone_valor_ingressos O ingresso custa 3.200 HUF, aproximadamente R$45,00.

 21.  Café Nova York

Café Nova York - Pontos Turísticos de Budapeste
Café Nova York – Pontos Turísticos de Budapeste

Para encerrar um passeio pelos principais pontos turísticos de Peste, nada melhor que uma noite no Café Nova York. Considerado o café mais bonito do mundo, possui uma belíssima decoração centenária, em estilo art nouveau. Cheio de mármores, ouro e lustres magníficos, serve cafés, bebidas e diversos pratos muito saborosos e não muito caros. Ideal para se despedir, com muito bom gosto, de Peste.

endereco-google-maps O metrô que vai até as proximidades do Café Nova York é a Linha 2 – Estação Blaha Lujza.

 22.  Ilha de Margarida

Fonte Dançante na Ilha de Margarida
Fonte Dançante na Ilha de Margarida

Mas o passeio pode continuar, porque além dos dois lados da cidade, pode-se e deve-se conhecer o Danúbio. A Ilha Margarida é uma enorme ilha fluvial, que foi transformada num grande parque. Apreciar os belos jardins e o encanto do parque juntamente com o Danúbio é uma opção imperdível numa manhã de verão.

endereco-google-maps Pode-se chegar na ilha de ônibus – Linha 26.

icone_valor_ingressos Entrada gratuita.

Excursão guiada pilotando um Segway à Ilha Margaret

 23.  Rio Danúbio

Cruzeiro no Rio Danúbio
Cruzeiro no Rio Danúbio

Por fim, não podemos nos esquecer do Rio Danúbio, que sempre rouba a cena na cidade. De fato, ele parece ser a alma do lugar, e portanto não poderia ficar de fora da lista dos principais pontos turísticos de Budapeste.

Um passeio de barco pelo Danúbio é uma das coisas mais incríveis que você pode fazer na cidade e, talvez, uma das coisas mais inesquecíveis que você pode fazer na vida. Do rio você pode ver a maior parte dos pontos turísticos de Budapeste de um outro ângulo.

E o melhor você pode escolher o horário do passeio:

  • Imagine fazer um passeio de barco pelo Danúbio na hora do pôr do sol?
  • Ou então, fazer o passeio numa agradável noite de lua cheia?
  • Um passeio simplesmente inesquecível!

Veja alguns passeio que você poderá aproveitar no Rio Danúbio, a diferença é o tempo do passeio e a possibilidade de ter bebida no Cruzeiro:

icone_valor_ingressos Existem várias empresas que oferecem esses passeios de barco. Os passeios geralmente saem do centro, e variam muito de acordo com a empresa. Em média custam entre R$80 e R$100.

Ofertas de hospedagens em Budapeste

Booking.com

O clima de Budapeste varia muito no decorrer do ano. Os invernos são muito rigorosos e os verões são muito quentes, portanto visitar os mesmos lugares da cidade em épocas do ano distintas podem ser experiências completamente diferentes. Planeje bastante seu trajeto de acordo com a época do ano, para aproveitar ao máximo o que cada estação pode proporcionar para você e para a cidade.

Além dos pontos turísticos de Budapeste que listamos acima, há inúmeros outros: Muitos museus, parques, bares, restaurantes. Muitas outras termas, e uma vida cultural rica e uma vida noturna bem animada. Tudo isso tornará sua viagem encantada e inesquecível.

Porque Budapeste é a cidade das águas, a cidade spa, a cidade dos belos crepúsculos. De um lado antiga e histórica e do outro moderna e agitada, essa cidade com certeza vai surpreender a todos. Porque, melhor que conhecer uma cidade incrível, é conhecer duas em uma.

Planeje aqui sua viagem para a Budapeste

Após um turbilhão de informações no decorrer desse post, vou te dar a última dica: Em viagem, tempo é dinheiro. Esse ditado pode parecer comum, mas te garanto que nunca fez tanto sentido. Para economizar seu tempo, agrupei todos os sites que sempre utilizo em minhas viagens, Fica Ativo e Planeje-se.

Para planejar uma viagem, começo sempre pela hospedagem. Se for um passeio onde quero aproveitar todas as experiências da cidade, prefiro o Booking, mas quando é uma viagem em família já corro atrás mesmo é do AirBnb.

O seguro viagem para Europa é obrigatório para os países do Espaço Schengen. Apesar da obrigatoriedade ele traz diversas vantagens: cobertura em caso de acidentes, doenças, cuidados médicos, bagagem extraviada, entre outros. Para a cotação eu utilizo o Seguros Promo, ele tem a opção de forma de pagamento no cartão de crédito em até 12 vezes ou no boleto bancário.

#FicaAtivoNoCupom: até o dia 31/10/2020 o site está com uma promoção única de 15% de desconto em todos os planos de seguro viagem usando o cupom HALLOWEEN. Ah! E pagando via boleto bancário você tem mais 5% de desconto.

Para agilizar todo o seu roteiro pela Europa a Omio apresenta em ordem todas as possibilidades de horários de trens, ônibus e aviões, com os seus respectivos valores. Foi disponibilizado para os leitores do #FAV um cupom de desconto de 10€ para utilizar na primeira compra. #FicaAtivoNoCupom: danieg1r6i2v

Tenho certeza que você não está lembrando de um detalhe, mas America Chip e eu temos a obrigação de te alertar. Ao chegar ao seu destino será necessário chamar um UBER, para isso a America Chip se faz presente com conexão de internet ilimitada em mais de 130 países pelo mundo. #FicaAtivoNoCupom: Utilizando o cupom FICAATIVO você ganha 5% OFF!

Experiência única e exclusiva, sua viagem dificilmente vai ser igual de outro viajante. O aluguel de carro garante essa oportunidade incrível. Através da RentCars, você consegue comparar preços entre as todas as locadoras ao redor da Croácia.

Para evitar os famosos perrengue chique, eu prefiro fechar todos os meus passeios com antecedência, reservando eles pela nossa parceira GetYourGuide.

O momento em que vou bater o martelo da data da próxima viagem, utilizo o site que encontro os melhores preços e promoções de passagens áreas: Passagens Promo.

A Resolvvi te ajuda a solucionar problemas de voos atrasados, cancelados, overbooking ou perda de conexão. Você só precisa contratá-la quando de fato passar pelo perrengue e só paga se ganhar a ação. Até o momento não tive problema em minhas viagens nesse sentido, mas é sempre bom Ficar Ativo caso isso aconteça.

23 Principais Pontos Turísticos de Budapeste
Daniel Gualberto
O desejo de poder sempre viajar e compartilhar minhas dicas com a maior quantidade de pessoas, me levou a entrar no mundo dos blogs e mídias sociais, e um dia ter o Fica Ativo e Viaja (#FAV) como um das mais respeitadas referência em blog de viagens do Brasil.

Post relacionados

Daniel Gualberto

O desejo de poder sempre viajar e compartilhar minhas dicas com a maior quantidade de pessoa!

16FansLike
176FollowersFollow
39FollowersFollow
- Propaganda -
- Propaganda -
- Propaganda -
- Propaganda -

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.