Caminhos do Jiquiriçá: Região Turística que você deve conhecer

BrasilBahiaCaminhos do Jiquiriçá: Região Turística que você deve conhecer

Para quem está planejando uma viagem para o estado da Bahia, incluir algumas cidades para conhecer na região turística Caminhos do Jiquiriçá é uma ótima opção, principalmente para quem quer conhecer uma parte do estado além da sua capital e redondezas.

Nas cidades turísticas dos Caminhos do Jiquiriçá você vai poder aproveitar de inúmeras atrações ecológicas, como morros, rios, cachoeiras, e claro, uma fauna e flora extremamente exuberante.

A região turística também é perfeita para quem gosta de praticar esportes radicais em meio à natureza, tais como trilhas, cavalgadas, canoagem, trekking, dentre outros.

Localizada na Bacia do Jiquiriçá, a cerca de 150 km de Salvador, partindo pelo oeste, a região que tem sua economia baseada na agricultura tem visto o turismo sendo uma fonte alternativa de renda de suma importância.

Muitas regiões baianas perceberam que o turismo rural é uma ótima opção de expansão, sendo os recursos naturais ali preservados um atrativo bem chamativo.

Outro ponto de destaque entre as cidades para visitar nos Caminhos do Jiquiriçá é o seu patrimônio histórico e cultural, já que é uma região rica em artesanato e com costumes e tradições únicas.

Vou mostrar para vocês 7 cidades para conhecer nos Caminhos do Jiquiriçá que são indispensáveis para uma viagem pela região. Confira abaixo:

Amargosa

Amargosa

Dentre as cidades para visitar nos Caminhos do Jiquiriçá, Amargosa tem um destaque especial pela sua tradicional festa de São João, que é uma das mais conhecidas da Bahia.

Com um clima de cidade do interior, Amargosa conta com um pouco mais de 35 mil habitantes. Curtir o ambiente por lá e aproveitar a ótima recepção feita pelos seus habitantes estão entre seus principais atrativos.

Melhores ofertas: Hoteis e Pousadas em Amargosa

Suas atrações não param por aí, contando com vários pontos interessantes, como a Catedral Nossa Senhora do Bom Conselho, construída em 1936 é considerada um exemplar da arquitetura neogótica. Essa Igreja encontra-se na Praça Lourival Monte, ponto bem antigo de Amargosa e perfeito para apreciar uma tarde com belos jardins e um clima agradável. Outro lugar legal para visitar é a Praça do Bosque, onde são realizados vários eventos.

Dentre seus atrativos naturais destacam-se: a Serra Azul, que possui alta concentração da fauna local e o Rio Jiquiriçá, onde é possível práticar alguns esportes náuticos e também aproveitar suas águas para banhos.

O maior destaque turístico de Amargosa é a Festa de São João, que ocorre na Praça do Bosque e tem duração de 10 dias. Esse é o principal destino turístico da Bahia quando se trata de eventos em junho, recebendo em média 60 mil pessoas. Outra festa famosa na região é o Forró do Piu-Piu.

Cruz das Almas

Cruz das Almas

Considerada uma das principais cidades para visitar na região turística dos Caminhos do Jiquiriçá, Cruz das Almas conta com cerca de 65 mil habitantes.

Cruz das Almas sedia a Reitoria da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, local que inclusive pode ser considerado um ótimo ponto turístico para aqueles que desejam conhecer mais do campus.

Melhores ofertas: Hoteis e Pousadas em Cruz das Almas

Além da Universidade, Cruz das Almas também abriga o Centro Nacional de Pesquisa da EMBRAPA, a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, fazendo com que essa seja uma das cidades turísticas dos Caminhos do Jiquiriçá bem procurada também por pessoas interessadas em trabalhar e estudar.

Assim como Amargosa, Cruz das Almas é uma das cidades para conhecer nos Caminhos do Jiquiriçá que se destaca pela sua festa de São João. Já um evento exclusivo dela é a Guerra de Espadas, que ocorre durante o São João, momento extremamente tradicional e adorado pelos seus habitantes, que conta com uma intensa queima de fogos de artifício.

No São João a cidade recebe cerca de 80 mil pessoas durante as comemorações, sendo um dos maiores do Brasil. É uma atração muito interessante e tradicional na região, contando com uma gastronomia incrível e deliciosa.

Entre seus pontos turísticos é possível destacar: o ateliê da artista Diná Garcia, a Feira Livre de Cruz das Almas onde é possível encontrar diversos produtos locais e o Centro Cultural Galeno D’Avelírio, que fica instalado em uma antiga cadeia pública.

Castro Alves

Estátua de Castro Alves

Outro destaque dentre as cidades para conhecer nos Caminhos do Jiquiriçá é Castro Alves, berço do grande autor brasileiro de mesmo nome.

Possuindo cerca de 27 mil habitantes, essa pequena cidade turística encontrada nos Caminhos do Jiquiriçá possui um clima extremamente agradável. Encontra-se a cerca de 190 km de Salvador.

Melhores ofertas: Hoteis e Pousadas em Castro Alves

Apresenta também ótima culinária local, além da população receptiva e alegre, tal qual é encontrado em outras cidades para conhecer nos Caminhos do Jiquiriçá e em todo o estado da Bahia.

O clima na cidade é bem agradável, além disso, conta com paisagens incríveis, dentre montanhas, florestas de vegetação de cerrado, caatinga e Mata Atlântica, além de uma fauna diversificada. As montanhas da cidade são perfeitas para prática de esportes, tal como voo livre, trilhas, ciclismo, trekking e outros.

Castro Alves conta com muitos pontos interessantes, como a Feira livre da cidade, a maior de toda a região sendo a mesma extremamente diversificada e o Casarão do Poeta, a fazenda que deu origem a cidade, construída no século XVIII e que pertenceu a família do poeta Castro Alves. O local funciona como um memorial ao autor.

Outros pontos que você não deve deixar de conhecer são: a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, a Igreja de São José do Jenipapo, a Praça da Liberdade que conta com uma estátua de Castro Alves e alguns casarões localizados no centro da cidade, como o Palacete do Dr. Rafael Jambeiro.

Itatim

Itatim

Uma das menores cidades para conhecer nos Caminhos do Jiquiriçá é Itatim, que conta com cerca de 14 mil habitantes.

O principal destaque turístico de Itatim são as suas formações rochosas, com destaque para o Morro da Ponta Aguda, o Morro dos Buracos, o Morro do Enxadão e o Morro do Napoleão. Sendo o local bastante procurado por quem tem intenção de praticar escalada esportiva, portanto, se você curte esse tipo de turismo, não pode deixar de incluir Itatim nas suas cidades para conhecer em Caminhos do Jiquiriçá.

Além do destaque para o turismo natural, a melhor época para conhecer as cidades turísticas dos Caminhos do Jiquiriçá é durante o mês de junho, quando ocorrem as festas de São João, que em Itatim também é uma comemoração grandiosa.

Milagres

Milagres

Outra das cidades para conhecer nos Caminhos do Jiquiriçá é Milagres, essa possui cerca de 10 mil habitantes, sendo um importante polo do turismo religioso da região turística.

Milagres fica localizado a cerca de 230 km de Salvador, e o turismo na cidade vem crescendo nos últimos anos, principalmente pela Festa da Padroeira Nossa Senhora dos Milagres, que ocorre no início do mês de fevereiro. O auge da festa é no dia 2 de fevereiro, quando chegam diversos visitantes, diversos deles romeiros.

Além dessa festa religiosa de grande porte, existem outras festas importantes em Milagres, como a Festa dos Vaqueiros, realizada em abril, a Romaria das Mães, que ocorre durante o dia das mães, o Domingo de Ramos, e também a Festa das Comunidades.

Apesar do intenso turismo religioso, Milagres também apresenta outras atividades interessantes, como a possibilidade de praticar trekking, escalada esportiva e rapel em suas formações rochosas, acampar, promover caminhadas, dentre outras.

Outras atrações que você não pode deixar de conhecer são: o Santuário de Nossa Senhora dos Milagres, a Fonte dos Milagres, da onde é possível apanhar água benta, o Morro da Bandeira, a Gruta da Lapa e o Casarão das Quixabas, construído no século XIX.

Jiquiriçá

Jiquiriçá

Possuindo o mesmo nome da região turística, essa é mais uma das cidades para conhecer nos Caminhos do Jiquiriçá.

Melhores ofertas: Hoteis e Pousadas em Jiquiriçá

Jiquiriçá conta com cerca de 35 mil habitantes, e está localizada a 250 km da capital do estado. O local é perfeito caso você seja um amante do ecoturismo, com cenários de cair o queixo, dentre cachoeiras, trilhas, serras e outros. A mata nativa de Jiquiriçá é muito rica e diversificada.

Assim como as demais cidades para conhecer nos Caminhos do Jiquiriçá, essa cidade conta com várias festas populares que atraem alguns turistas. Algumas delas são as comemorações de São Pedro e São João, que ocorrem nas casas dos moradores.

A região é famosa pela produção de artesanatos em diversos materiais, como a palha, o couro, em barro, em madeira e também bordados. Outra parte importante da sua cultura são as manifestações populares, como o Terno de Reis, que faz procissão pela vila, a Queima de Judas, o Bumba meu boi e o Carnaforró, que consiste em uma mistura da festa de São João com o Carnaval.

Dentre os atrativos naturais de Jiquiriçá posso destacar a Cachoeira dos Prazeres e a Cachoeira do Clóvis, a Gruta da Serra Pelada, a Serra do Brongo, a Serra da Estopa e a Serra das Tabocas.

Outros pontos interessantes são: o Mercado Municipal de Jiquiriçá, a Antiga Estação Ferroviária, o Prédio da Prefeitura e a Praça Lourival Monte.

Santa Inês

Santa Inês

A última das cidades para conhecer nos Caminhos do Jiquiriçá que irei indicar é Santa Inês, que conta com pouco mais de 11 mil habitantes e fica a cerca de 215 km de Salvador.

Dentre as cidades para conhecer nos Caminhos do Jiquiriçá, essa é a que conta com uma das atrações mais inusitadas: o Dinovale.

Melhores ofertas: Hoteis e Pousadas em Santa Inês

Na cidade é possível apreciar réplicas de dinossauros que viveram na região, que se encontram espalhadas por vários pontos de Santa Inês. As esculturas criam um clima bem interessante na cidade, bem como promovem a educação e a cultura no local.

Além dessa atração interessante e diferente, Santa Inês proporciona várias outras atividades chamativas, como as suas festas regionais, as belas paisagens e pontos de visitação.

Assim como outras das cidades para conhecer nos Caminhos do Jiquiriçá, Santa Inês conta com a festividade de São João. Outra festa famosa na cidade é a Festa da Padroeira.

Alguns pontos de destaque para o turismo são: a Igreja Matriz, a Prefeitura Municipal e o Mercado Municipal.

Agora que você já viu as principais cidades para conhecer nos Caminhos do Jiquiriçá espero que tenha despertado o seu interesse em conhecer tal região, que é rica em belezas naturais e atrações turísticas variadas.

Planeje sua viagem para a Região do Caminhos do Jiquiriçá

Após um turbilhão de informações no decorrer desse post, vou te dar a última dica: Em viagem, tempo é dinheiro. Para economizar seu tempo, agrupei todos os sites que sempre utilizo em minhas viagens.

Para planejar uma viagem, começo sempre pela hospedagem. Quando minha intenção é descanso e curtir o hotel vou de Zarpo. Se for um passeio onde quero aproveitar todas as experiências da cidade, prefiro o Booking.

É tão recomendável que chega a ser obrigatório. O seguro viagem tem muitos pontos positivos, mas o principal para mim são os cuidados relativos à saúde, você pode entender mais sobre o assunto no artigo “Porque contratar um seguro viagem nacional?” ou fazer cotação através do Seguros Promo.

#FicaAtivoNoCupom: até o dia 14/12/2020 o Seguros Promo está com uma promoção única de 15% de desconto em todos os planos de seguro viagem usando o cupom BRASIL. Ah! E pagando via boleto bancário você tem mais 5% de desconto.

Para evitar os famosos perrengue chique, eu prefiro fechar todos os meus passeios com antecedência, reservando eles pela nossas parceiras Viator e a Civitatis.

O aluguel de carro garante a experiência única e exclusiva, sua viagem dificilmente vai ser igual de outro viajante. Através da RentCars, você consegue comparar preços entre 146 locadoras ao redor do Brasil.

O momento em que vou bater o martelo da data da próxima viagem, utilizo o site que encontro os melhores preços e promoções de passagens áreas: Passagens Promo.

A Resolvvi te ajuda a solucionar problemas de voos atrasados, cancelados, overbooking ou perda de conexão. Você só precisa contratá-la quando de fato passar pelo perrengue e só paga se ganhar a ação.

Decidiu não ir pelos ares? Quando eu viajo de ônibus, pesquiso os horários, preços e as linhas de destino pelo ClickBus.

Daniel Gualberto
O desejo de poder sempre viajar e compartilhar minhas dicas com a maior quantidade de pessoas, me levou a entrar no mundo dos blogs e mídias sociais, e um dia ter o Fica Ativo e Viaja (#FAV) como um das mais respeitadas referência em blog de viagens do Brasil.

Post relacionados

Daniel Gualberto

O desejo de poder sempre viajar e compartilhar minhas dicas com a maior quantidade de pessoa!

10FansLike
176FollowersFollow
41FollowersFollow
- Propaganda - spot_img
- Propaganda - spot_img
- Propaganda - spot_img
- Propaganda -
- Propaganda -

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.