O que fazer em Salvador: Viva a Cidade de Todos os Santos

BrasilBahiaO que fazer em Salvador: Viva a Cidade de Todos os Santos

Com mais de 470 anos de história viva em suas ruas, casarões e alamedas, a cidade de Salvador carrega consigo não somente as raízes da própria fundação do Brasil enquanto povoação na América Portuguesa, a cidade foi fundada em 1549, menos de 50 anos depois da chegada dos portugueses ao Brasil, mas também um patrimônio cultural que transcende fronteiras, mares e continentes.

Quem procura o que fazer em Salvador vai encontrar uma cidade em plena transformação, onde o passado se une ao presente, o sagrado convive com o profano, numa profusão de cores, formas, essências e sabores que a influência da valiosa herança cultural africana somada aos saberes indígenas e europeus deu um toque único de festividade e efervescência que brindam e saúdam o visitante de forma calorosa e receptiva, não sendo à toa que a capital da Bahia é referida por muitos como a Capital da Alegria.

Salvador também é conhecida como a cidade da cultura afro-brasileira; aqui, as crenças e os valores trazidos por aqueles que foram feitos escravos e levados de sua terra natal, séculos atrás, encontraram um solo propício à sua frutificação, atravessando gerações até os dias de hoje.

Seja para viajar na história, curtir o mar ou então cair na folia, quem procura o que fazer em Salvador pode ter a certeza que terá uma viagem de férias inesquecível e recheada de boas lembranças, em um dos destinos mais procurados do Nordeste e de todo o Brasil.

Prepare a câmera e as malas, e vamos embarcar nessa! 

Como chegar em Salvador? 

Salvador está situada em uma posição privilegiada no litoral brasileiro, o que já é conhecido desde os tempos do Império Português.

A Baía de Todos os Santos é tida por muitos como uma das mais bonitas paisagens do litoral nordestino, não perdendo para outros destinos de praia da região, como Natal e a icônica Ilhéus.

Sendo a capital do estado da Bahia, a cidade conta com uma excelente infraestrutura de transportes, e também uma vasta gama de escolhas de rotas de viagem.

Quem procurar o que fazer em Natal durante suas férias vai poder encontrar muitas opções vantajosas de deslocamento, que vão facilitar muito o planejamento de sua viagem.

Confira algumas delas: 

Como chegar em Salvador de avião

Quem procura o que fazer em Salvador e vem de localidades mais distantes pode contar com uma vantagem que torna qualquer roteiro de viagem mais prático e empolgante: o avião!

Sendo a cidade mais populosa do Nordeste e a nona de toda a América do Sul, a capital da Bahia conta com o Aeroporto Internacional Deputado Luís Eduardo Magalhães (SSA), que mantém conexões diretas para dentro e fora do Brasil.

Quem voa de São Paulo pode contar com voos diretos oferecidos pela Azul e pela Latam a partir do aeroporto de Guarulhos (GRU).

Se morar nos arredores da região metropolitana de Campinas, a melhor opção é a Gol, que também mantém voos diretos para a capital da Bahia a partir do aeroporto de Viracopos (VCP).

Os cariocas, por sua vez, usam o aeroporto de Santos Dumont (SDU) para voar com a Latam e a Gol, ou ainda o terminal do aeroporto do Galeão (GIG), para quem escolhe a Azul.

Já quem sai a partir de Belo Horizonte pode escolher voos diretos com a Gol e a Azul, ou ainda um voo com uma pequena parada pela Latam.

Todas as partidas, neste caso, saem do aeroporto de Confins (CNF). 

Como chegar em Salvador de ônibus

Aqueles que estão acostumados a fazer do transporte rodoviário coletivo seu melhor amigo de viagens também podem escolher alternativas acessíveis e confortáveis enquanto procuram o que fazer em Salvador.

Saindo de Aracaju, a capital de Sergipe, as viações Rota e Águia Branca se mantém como as principais opções de transporte para a Capital da Alegria.

Não perca tempo e evite filas da rodoviária!
Compre online sua passagem de ônibus para qualquer lugar do Brasil.

Reserve na ClickBus

A Rota também faz a ligação com a capital do estado de Alagoas, Maceió, oferecendo ônibus nas configurações executivo, leito e semileito.

Destinos mais distantes como o estado vizinho do Espírito Santo e sua capital Vitória também são agraciados pelos serviços da viação Águia Branca, que oferece um confortável serviço de ônibus semileito que leva você até Salvador com segurança e tranquilidade para você planejar suas férias no caminho!

Como chegar em Salvador de carro

Se você gosta de usar o próprio veículo para viajar, vai poder contar com uma boa infraestrutura de estradas para acessar a Capital da Alegria.

Por ser a capital baiana e estar bem próxima do polo industrial de Camaçari, uma cidade vizinha, quem procura o que fazer em Salvador e vêm de regiões vizinhas tem a vantagem de fazer a viagem no conforto do próprio carro, facilitando muita coisa no decorrer da viagem.

Se você vier de localidades mais ao norte, como Aracaju, a capital do estado vizinho de Sergipe, terá que percorrer 317 quilômetros até a Baía de Todos os Santos, percorrendo inicialmente a SE-100 até a localidade de Itanhi, já na fronteira com a Bahia. De lá, a BA-099 garante os 191km restantes até seu destino.

Localidades como Maceió já adicionam alguns quilômetros a mais, com a necessidade de percorrer a distância de Salvador a Aracaju toda a extensão da BR-101, totalizando 582 km de distância.

Já para quem vem das regiões Oeste, Sudeste e outras localidades as distâncias aumentam; a menos que você esteja acostumado a cobrir grandes distâncias dirigindo, o avião e o ônibus podem ser mais vantajosos neste caso.

A melhor forma de explorar um novo destino é com a liberdade total!

Faça um cotação na RentalCars, a maior empresa de comparação de Aluguel de Carro, além de você poder pagar em 12 vezes sem juros.

Reserve Agora!!

Como se locomover em Salvador? 

Sendo uma metrópole e uma cidade com elevada importância estadual e regional, Salvador conta com uma grande infraestrutura de transportes, que oferece numerosas alternativas para quem quer ir de um ponto a outro da cidade com rapidez e desenvoltura.

O Terminal Rodoviário de Salvador é o coração pulsante do sistema de transportes urbanos da capital baiana, com linhas que conectam os principais pontos do centro urbano e histórico ás regiões periféricas da cidade.

Quem quer evitar a lotação dos ônibus convencionais pode viajar com mais conforto no serviço de metrô de superfície que serve ao município, que conta com trens modernos e estações muito bem-estruturadas.

Por se tratar de uma cidade do litoral, você ainda pode experimentar uma opção mais dinâmica e exótica de transporte: o barco. Serviços de táxi aquático, balsa e ferry-boat servem vários pontos de baía, incluindo o Centro Histórico e a Ilha de Itaparica.

O icônico Elevador Lacerda

Outra atração que serve tanto como transporte prático quanto monumento histórico são os ascensores dos planos inclinados, construídos no final do século XIX, e o icônico Elevador Lacerda, que conecta a Cidade Alta ao Centro Histórico na parte mais baixa e é um dos principais cartões-postais da cidade. 

Qual a melhor época para visitar Salvador? 

Quem procura o que fazer em Salvador enquanto seu destino preferido de férias pode ter a certeza de encontrar uma cidade vibrante e movimentada durante todo o ano.

A cereja do bolo, porém, está na temporada compreendida entre dezembro a março; o Réveillon na Capital da Alegria é um dos mais procurados em todo o litoral brasileiro, e o Carnaval então… nem se fala!

Seus mais de 200 blocos e a presença garantida de celebridades da música e da televisão fazem com que os preparativos de hospedagem e outras reservas tenham que ser feitos ainda no ano anterior ao da viagem, para assegurar que você possa cair na folia sem maiores preocupações.

Há ainda também a Festa de Iemanjá e a lavagem das escadarias do Bonfim, que dão ainda mais liberdade de escolha para a data de sua viagem. Independentemente do dia ou do mês, que procura o que fazer em Salvador sempre acha um caldeirão cultural efervescente e cheio de surpresas! 

Quantos dias ficar em Salvador?

A duração de sua experiência turística na Capital da Alegria vai depender de uma série de fatores, como a natureza de sua viagem, a escolha do programa, se há algum evento especial no meio ou se você simplesmente quer descobrir as surpresas e os encantos de uma cidade que exala mais de 400 séculos de história e tradição.

Seja a negócios, viagens familiares ou de lazer, quem procura o que fazer em Salvador e quer conhecer o melhor de seus atrativos pode separar ao menos cinco dias de estadia, com seis pernoites na cidade mais um dia necessário ao deslocamento de viagem.

Se você se encantou mais do que esperava e deseja ir mais fundo em sua experiência de turismo pelo Recôncavo, programe-se em seu roteiro e adie o check-out no hotel para mais alguns dias. 

Procurando hospedagem com conforto e pelo melhor preço?
Você sabia que quanto mais cedo você reservar, maior será sua economia paga pela diária! Confira agora diversas opções de hoteis e pousadas!

RESERVE AGORA

O que fazer em Salvador: Centro Histórico

Largo do Pelourinho

Largo do Pelourinho

Visitar o Pelourinho é fazer uma viagem não somente ao coração cultural de Salvador, mas também ao passado colonial do Brasil.

O nome do bairro deriva da antiga coluna de pedra que existia por lá e era usada nos tempos da Colônia para castigar escravos e criminosos, e hoje dá nome ao bairro que possui ruas tortuosas de pedra, casarões centenários e conservados e é ponto de parada obrigatório para quem procura o que fazer em Salvador.

Nos anos 1980, o bairro do Pelourinho foi reconhecido como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, e passou por uma revitalização completa até chegar á grande infraestrutura turística que possui hoje: é lá que você vai encontrar os melhores restaurantes, bares, pousadas, lojas de souvenires e hostels de toda a Capital da Alegria.

Para quem gosta de cultura e boa música, há um atrativo a mais: o Pelourinho ainda carrega a fama de ter sido palco do lendário clipe do hit They Don’t Care About Us, lançado pelo cantor Michael Jackson.

Se você aprecia a história colonial do Brasil ou é fã do imortal rei do pop, você não pode perder esse passeio! 

Alto do Carmo

Quem visita a freguesia de Santo Antônio do Alto do Carmo vai encontrar uma paisagem ligeiramente diferente.

Os casarões coloniais típicos do “Pelô” dão lugar a charmosos sobrados e palacetes em estilo art nouveau, neoclássico e eclético, vertentes da arquitetura característicos da virada do século XIX para o XX.

Este bairro vai presentear você com uma das mais belas vistas de toda a cidade, além de algumas das mais belas igrejas coloniais de toda a cidade.

O Alto do Carmo também possui uma grande variedade de bares, restaurantes e casas culturais, que garantem a diversão e o entretenimento por quem procura o que fazer em Salvador na parte da noite. 

Praça da Sé

Praça da Sé em Salvador

Construída inicialmente em 1933 com o propósito de abrigar o serviço de bondes da cidade, a Praça da Sé nasceu de um esforço do governo municipal à época de dinamizar a infraestrutura de transportes e deslocamento urbano.

Para tanto, dois quarteirões inteiros de construções históricas foram demolidos à época, incluindo a centenária catedral da Sé Primacial.

Mais de 80 anos depois, a Praça da Sé é um dos principais pontos turísticos e culturais da cidade, com as demais igrejas e casarios preservados.

Quem procura o que fazer em Salvador tem a facilidade de usar a Sé como ponto de partida na exploração do Centro Histórico, já que o logradouro é ponto de parada de vários ônibus urbanos, além de acesso ao Pelourinho e também ao Mercado Modelo, na vizinha praça Cairu.

Simples, não? 

O que fazer em Salvador: Na Orla

Orla

Salvador possui mais de 50km de extensão de praias em sua orla, que vão desde a parte externa do Recôncavo Baiano até a Baía de Todos os Santos, considerada a segunda maior baía de todo o planeta.

Ao longo de toda sua extensão, você descobrirá que achar o que fazer em Salvador e seu litoral é uma tarefa fácil, descontraída e empolgante, que atrai visitantes de todo o Brasil e o mundo.

Boa parte do litoral da Capital da Alegria possui uma excelente infraestrutura, com calçadões que proporcionam uma caminhada agradável e descontraída, seja para exercícios ou apenas perambular pelo belo litoral que caracteriza a costa baiana.

A orla de Salvador também é o point de inúmeros quiosques e restaurantes de comida típica, com destaques ao famoso acarajé, além de pousadas e hotéis de primeira classe para quem quer fazer de sua viagem a Salvador uma experiência única e inesquecível.

O que fazer em Salvador: Região do Bonfim

O principal destino de quem procura o que fazer em Salvador pensando nos atrativos religiosos e de cultura tradicional é a região do Bairro do Bonfim, que se torna o principal ponto de interesse em toda a Capital da Alegria quando se aproxima o Dia de Reis, no mês de janeiro.

Você terá a oportunidade de participar da Lavagem das Escadarias da Igreja do Bonfim, tidas por muitos como um dos exemplos máximos de sincretismo religioso e respeito entre culturas, onde os devotos de Nosso Senhor do Bonfim se unem ás baianas com seus tradicionais vestidos típicos e lavam com água de cheiro o adro e as escadarias do templo, construído em 1772.

É lá que você também terá a oportunidade de levar para casa as famosas fitinhas do Bonfim, que atestam da fé e da harmonia entre a cultura cristã e afro-brasileira que atravessa os séculos. 

As praias de Salvador

Um dos destinos principais de milhares de visitantes nacionais e estrangeiros, a orla de Salvador carrega a fama de possuir algumas das praias mais famosas de todo o litoral do Brasil.

Muitas delas só perdem em preferência para as orlas de pontos turísticos nacionais consagrados, como Copacabana e Ipanema.

Quando procurar o que fazer em Salvador e suas belas faixas de areia branca, não deixe de visitar a Praia do Farol da Barra.

Tida por muitos como a cereja do bolo de toda a orla, esta praia costuma sediar o Carnaval de Salvador, além de possuir uma paisagem paradisíaca que encanta até mesmo quem possui a Baía de Todos os Santos como paisagem cotidiana em seu dia-a-dia.

Já quem quer um bom lugar para relaxar na areia e curtir um bom banho de mar deve se programar para passar um dia na Praia da Ondina, que além de estar em um dos pontos da cidade onde o mar é mais bonito, também concentra os melhores restaurantes e quiosques da região.

Outras praias da orla que merecem uma visitinha são a Praia do Buracão, Stella Maris, Praia de Piatã e a de Jaguaribe, além da icônica praia de Itapuã, bastante conhecida por seu farol à beira mar e por ter sido citada até mesmo nas poesias do escritor Vinicius de Moraes.

Prepare-se para curtir o sol, a areia e o mar no que há de melhor no litoral de Salvador! 

Você vai viajar? Você sabe se seu plano de saúde tem cobertura nacional?

Diversos convênios médicos não oferecem cobertura fora da sua região! Não viaje preocupado! Contrate um Seguro Viagem Nacional para que tenha assistência médica e odontológica, seguro de bagagem extraviada, assistência jurídica e mais um tanto de benefícios.

Fazer Cotação

Onde comer em Salvador

Quem procura o que fazer em Salvador não pode deixar de ter uma experiência completa da culinária tradicional da Bahia, caracterizada pela influência dos sabores e receitas africanas somados ás técnicas trazidas por indígenas e colonizadores.

Desde o acarajé até as seletas de frutos do mar, você poderá desfrutas dos melhores restaurantes de toda a Capital da Alegria com uma ampla liberdade de escolha, que certamente vai agradar a todos os gostos.

Donana

Recomendo como opção de almoço o Donana, que se consagra por sua deliciosa moqueca e um risoto apimentado que é de dar água na boca.

Outra alternativa que não fica atrás é o famoso Teresa Paim, que é bastante conhecido por usar com vontade o que há de melhor nas especiarias e condimentos típicos da região, com ênfase no famoso tempero baiano.

Coco Bambu Bahia

O jantar á noite fica por conta do Coco Bambu Bahia, que, além de oferecer um menu que fará com que você se perca com as deliciosas opções que há nele, proporciona um ambiente aconchegante e especial que faz com que sua saída noturna em Salvador se transforme numa experiência mágica e incrível.

Não se esqueça de dar um pulinho lá! 

Onde ficar em Salvador

Booking.com

O que fazer em Salvador à noite

Salvador possui uma grande variedade de opções de entretenimento, que vão desde as mais exóticas e diferenciadas até o mais casual, como boates e discotecas.

Contudo, quem quer desfrutar a verdadeira experiência soteropolitana (um dos gentílicos que identificam quem vive em Salvador) é explorar a região do Alto do Carmo à noite.

A sensação é a mesma de estar nos arredores da Lapa no Rio de Janeiro, só que muito mais aconchegante.

Pelas ruas tortuosas que cortam os casarões você encontrará uma infinidade de bares, restaurantes, casas de eventos culturais com agendas variadas, rodas de samba, pagode e axé, dentre muitas outras opções que tornam cada noite em Salvador uma aventura imprevisível e que certamente te renderão excelentes lembranças de uma cidade que é conhecida por sua natureza alegre de ser e viver. 

Dicas para os viajantes de Salvador

Uma profusão de cores, formas e sabores. É difícil definir o que cada um sente e vivencia quando visita uma das cidades mais vivas e diversificadas de todo o Brasil.

Com uma cultura em constante transformação, em Salvador é muito fácil ir além da descoberta da história e dos costumes típicos que representam uma nação e um povo, que, de tão receptivo e caloroso, emprestou para sua cidade o título de Capital da Alegria.

O Elevador Lacerda e os planos inclinados são a melhor opção de deslocamento para quem quer vencer o morro que separa a parte alta do centro histórico da cidade.

A passagem é menos de R$1,00, e a vista que se tem lá do alto por si só já vale por tudo.

Procure deixar para comprar souvenires de Salvador nos últimos dias de viagem.

A cidade é repleta de lojas de artesanato com uma peça mais bonita que a outra; para não carregar volumes desnecessários em seu passeio nem se arrepender por já ter levado outra peça, programe-se para adquirir o que achar interessante quando a viagem já estiver acabando.

Seja por seus atrativos históricos, suas belas praias, os festejos e os costumes típicos, quando você ousar descobrir o mágico mundo de Salvador, você abrirá as portas para um novo universo, onde, por um momento, todos esquecem as diferenças e vivem em constante harmonia como um só, fazendo do que é múltiplo uma unidade enquanto povo, cultura e nação, que deixarão no visitante uma impressão e vivências que serão levadas para sempre.

Até a próxima viagem! 

Planeje sua viagem para Salvador

Após um turbilhão de informações no decorrer desse post, vou te dar a última dica: Em viagem, tempo é dinheiro. Para economizar seu tempo, agrupei todos os sites que sempre utilizo em minhas viagens.

Para planejar uma viagem, começo sempre pela hospedagem. Quando minha intenção é descanso e curtir o hotel vou de Zarpo. Se for um passeio onde quero aproveitar todas as experiências da cidade prefiro o Booking.

É tão recomendável que chega a ser obrigatório. O seguro viagem tem muitos pontos positivos, mas o principal para mim são os cuidados relativos à saúde, você pode entender mais sobre o assunto no artigo “Porque contratar um seguro viagem nacional?” ou fazer cotação através do Seguros Promo.

#FicaAtivoNoCupom: até o dia 14/12/2020 o Seguros Promo está com uma promoção única de 15% de desconto em todos os planos de seguro viagem usando o cupom BRASIL. Ah! E pagando via boleto bancário você tem mais 5% de desconto.

Para evitar os famosos perrengue chique, eu prefiro fechar todos os meus passeios com antecedência, reservando eles pela nossas parceiras Viator e Civitatis.

O aluguel de carro garante a experiência única e exclusiva, sua viagem dificilmente vai ser igual de outro viajante. Através da RentCars, você consegue comparar preços entre 146 locadoras ao redor do Brasil.

O momento em que vou bater o martelo da data da próxima viagem, utilizo o site que encontro os melhores preços e promoções de passagens áreas: Passagens Promo.

A Resolvvi te ajuda a solucionar problemas de voos atrasados, cancelados, overbooking ou perda de conexão. Você só precisa contratá-la quando de fato passar pelo perrengue e só paga se ganhar a ação.

Decidiu não ir pelos ares? Quando eu viajo de ônibus, pesquiso os horários, preços e as linhas de destino pelo ClickBus.

Daniel Gualberto
O desejo de poder sempre viajar e compartilhar minhas dicas com a maior quantidade de pessoas, me levou a entrar no mundo dos blogs e mídias sociais, e um dia ter o Fica Ativo e Viaja (#FAV) como um das mais respeitadas referência em blog de viagens do Brasil.

Post relacionados

Daniel Gualberto

O desejo de poder sempre viajar e compartilhar minhas dicas com a maior quantidade de pessoa!

10FansLike
176FollowersFollow
41FollowersFollow
- Propaganda - spot_img
- Propaganda - spot_img
- Propaganda - spot_img
- Propaganda -
- Propaganda -

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.