O que fazer em São Paulo: Um fascinante universo de descoberta!

BrasilSão PauloO que fazer em São Paulo: Um fascinante universo de descoberta!

É impossível não falar das principais metrópoles brasileiras sem citar São Paulo. Desde sua fundação por padres jesuítas em 1554, quando a noção de um país chamado Brasil não havia sequer sido criada, São Paulo cresceu e se consolidou como o coração pulsante de um país de dimensões continentais, sendo atualmente nada menos que a maior metrópole de toda a porção sul do planeta e a maior e mais importante cidade de toda a América Latina.

Sua massa urbana serve de lar para mais de 20 milhões de habitantes e é o destino de muitos viajantes de todos os cantos do Brasil e da América do Sul que procuram oportunidades de trabalho, melhores condições de vida ou então vão atrás de produtos e mercadorias para levar para suas próprias cidades no interior.

Embora tida como uma cidade focada para as viagens de trabalho e o destino de negócios, “Sampa”, como é carinhosamente chamada por seus habitantes, revela um mundo alegre, vibrante e colorido que cativa qualquer visitante determinado a explorá-lo.

Prepare sua bagagem, pegue sua passagem e vamos embarcar nessa!

Como chegar a São Paulo?

Como chegar em São Paulo de carro

Conectada por rodovia a praticamente todas as regiões do Brasil, Sampa leva para o lado literal o clássico ditado “todas as estradas levam a Roma”.

Não há praticamente nenhum ponto do território brasileiro que não seja possível de alcançar a partir da capital paulista, que é um dos principais entroncamentos viários de todo o Brasil.

Para quem viaja a partir de Estados vizinhos, por exemplo, a certeza de uma viagem rápida e tranquila é assegurada pela excelente malha viária de São Paulo e também dos estados fronteiriços de Minas Gerais, Rio e Paraná.

Quem sai do Rio de Janeiro, por exemplo, pode cobrir a distância de 435km entre as duas metrópoles sem maiores complicações em pouco mais de cinco horas pela consagrada Rio x SP, quando o trânsito flui sem maiores problemas.

A conexão com Belo Horizonte e demais localidades de Minas Gerais vai ficar por conta da BR-381, também conhecida como Fernão Dias, numa distância total de 587 km a ser percorrida em sua viagem.

A melhor forma de explorar um novo destino é com a liberdade total!

Faça um cotação na RentalCars, a maior empresa de comparação de Aluguel de Carro, além de você poder pagar em 12 vezes sem juros.

Reserve Agora!!

Já no sentido Sul, a capital mais próxima é a simpática Curitiba, que permite ao viajante um trajeto ligeiramente menor, de apenas 402 km.

Em todos os casos, as rodovias possuem sistema de cabina de pedágio; logo, é bom considerar essa despesa ao montar seus preparativos para procurar o que fazer em São Paulo.

Os custos da rodovia, no entanto, são compensados pela boa conservação das estradas e os serviços de assistência oferecidos pelas companhias concessionárias – assegurando que você e sua família tenham uma viagem tranquila!

Como chegar em São Paulo de ônibus

Quem procura o que fazer em São Paulo pode contar com o conforto e a praticidade de uma viagem de ônibus tranquila e acessível.

O transporte coletivo de longa distância está disponível tanto para estados próximos quanto para localidades distantes das regiões Centro-Oeste e Nordeste, tornando o ônibus uma opção acessível para todos.

Saindo do Rio de Janeiro, a melhor opção é cobrir a ligação Rio x SP pela Viação Cometa, que carrega em seu nome um legado de qualidade em viagens de ônibus que já atravessa décadas.

Não perca tempo e evite filas da rodoviária!
Compre online sua passagem de ônibus para qualquer lugar do Brasil.

Reserve na ClickBus

A mesma viação segue como nossa principal recomendada para ser procurada nos terminais rodoviários de Belo Horizonte e Curitiba.

Os itinerários são regulares e são oferecidos ônibus convencionais, leito-cama, executivo e semileito premium –  numa gama de opções voltada a assegurar conforto e uma viagem dinâmica e tranquila! 

Como chegar em São Paulo de avião

O avião pode ser o maior aliado de quem procura o que fazer em São Paulo, especialmente para quem vem de capitais e cidades do interior próximas aos centros metropolitanos.

A capital paulista pode ser acessada do Rio de Janeiro por voos do aeroporto de Santos Dumont (SDU) com ligações regulares a cada 15 minutos, numa média de 120 voos por dia para o aeroporto de Congonhas (CGH), num dos itinerários mais tradicionais de toda a história da aviação brasileira.

As opções incluem as companhias Gol, Azul e Latam. Já tendo o ponto de partida em Belo Horizonte, a melhor escolha é pegar os voos da Azul e da Latam que partem do aeroporto de Confins (CNF) e que tenham destino direto para Congonhas, evitando assim aeroportos mais distantes como o de Guarulhos (GRU) e Viracopos (VCP).

Quem viaja a partir de Curitiba, por sua vez, pode repetir os mesmos procedimentos ao partir do aeroporto Afonso Pena (CWB) buscando os voos com destino a Congonhas ou Guarulhos, se for o caso. 

Qual a melhor época para visitar São Paulo? 

Avenida Paulista

Escolher a melhor época para procurar o que fazer em São Paulo vai depender de uma série de fatores que variam muito de pessoa para pessoa, por exemplo, quantas pessoas vão com você, qual o objetivo de sua viagem, os dias livres disponíveis, e assim sucessivamente.

Contudo, temos uma boa notícia tanto para os nômades das estradas quanto para quem tem a agenda apertada: a facilidade de conexão por terra e por ar, a proximidade com uma grande fatia de outros destinos metropolitanos brasileiros e a rica agenda cultural e diversidade de atrativos sem-par que Sampa oferece a seus moradores e visitantes fazem com que a cidade seja um destino vibrante e agradável durante todo o ano.

Como diz o dito popular, “sempre há um programa para se fazer em Sampa”.

Descubra isso na prática e aproveite! 

Quantos dias ficar em São Paulo?

A escolha da duração de sua aventura na selva de pedra paulistana também vai recair sobre o tempo que você tem disponível em seu calendário, o motivo de sua viagem e outros infinitos fatores intrínsecos ao planejamento pessoal de cada viajante.

Porém, ao partir do hipotético conceito de uma viagem voltada para conhecer os inúmeros atrativos históricos, culturais e de entretenimento que São Paulo oferece, nossa melhor pedida para esse tipo de roteiro é permanecer na cidade por ao menos seis dias com sete pernoites, preferencialmente intercalados com um fim de semana completo.

Assim, você terá a oportunidade de vivenciar o melhor de Sampa tanto em seu cotidiano rotineiro quanto no grande fluxo de vida que envolve a capital nos fins de semana. Programe-se para um roteiro incrível, dinâmico e inesquecível! 

Procurando hospedagem com conforto e pelo melhor preço?
Você sabia que quanto mais cedo você reservar, maior será sua economia paga pela diária! Confira agora diversas opções de hoteis e pousadas!

RESERVE AGORA

O que fazer em São Paulo: História e Cultura

Catedral Metropolitana da Sé

Catedral Metropolitana da Sé

Quem procura o que fazer em São Paulo não pode deixar de conhecer o que é literalmente o coração e o marco zero da cidade: bem no centro da mancha urbana da capital paulista está a Catedral Metropolitana da Sé, um imponente maciço que ocupa a posição de quarta maior igreja neogótica do planeta.

Sua construção começou nos anos 1910 e demorou até 1967 até que fosse completamente concluída, devido ao tamanho, a complexidade da construção e a vasta gama de materiais importados da Itália para decoração e ornamento, cujo fornecimento foi afetado pela Primeira e pela Segunda Guerra Mundial.

O templo, com mais de 110 metros de comprimento, permite ao visitante se encantar com a ampla nave ornada por 800 toneladas de mármore italiano, além do belo órgão de tubos também trazido da Itália e a cripta subterrânea onde estão sepultados importantes nomes da história de São Paulo, como o Cacique Tibiriçá e o Padre Diogo Feijó.

Monumento às Bandeiras

Monumento às Bandeiras

Tidos como principal força de exploração do território, os bandeirantes paulistas tiveram contribuição fundamental em desenha as modernas fronteiras do Brasil.

Como parte das comemorações que viriam a celebrar o quarto centenário da cidade de São Paulo, em 1954, o belo monumento faz alusão ao esforço dos primeiros exploradores para desbravar o solo brasileiro em busca de riquezas e recursos.

Com mais de 40 metros de extensão e 11 de altura, é um cenário imperdível para fotos que vale a pena ser visitado!

Parque do Ibirapuera

Parque do Ibirapuera

Um dos cenários mais conhecidos do Brasil dentro e fora do país, o Ibirapuera se consagrou como um dos pontos mais procurados por moradores e visitantes que buscam o que fazer em São Paulo, característica que rendeu reconhecimento como o parque mais visitado e conhecido de toda a América Latina.

Presente no panorama de Sampa desde os anos 1950, lá você poderá desfrutar de uma grande área verde, com árvores nativas, lagos, trilhas para caminhada e pontes suspensas.

É dentro do Parque do Ibirapuera que está o Obelisco de São Paulo, um monumento de 72 metros de altura erigido como uma homenagem aos soldados que morreram na Revolução Constitucionalista de 1932.

Outras atrações ainda incluem o Pavilhão Japonês e o Museu Afro Brasil, que deixam a visita ainda mais rica e imperdível! 

Museu da Arte de São Paulo (MASP)

Um dos símbolos de São Paulo e da Avenida Paulista, não há edifício mais caracteristicamente conhecido em todo o Brasil do que o prédio do Museu da Arte de São Paulo, tido como um dos mais importantes de seu tipo em todo o país.

Desde sua inauguração no final dos anos 1960, o acervo do MASP contabiliza mais de 8 mil peças artísticas de todo o mundo, com exposições permanentes e itinerantes.

Além de percorrer as galerias de arte e se encantar com as mais belas manifestações artísticas nacionais e estrangeiras, você ainda poderá dar um pulinho na grande loja do Museu, onde se encontram desde livros e catálogos até obras de arte completas de artistas contemporâneos.

Os amantes da arte, por sua vez, terão um lugar a mais na Biblioteca de Arte do MASP, conhecida por reunir um dos maiores acervos especializados no assunto em todo o mundo. Aproveite! 

Museu do Ipiranga

Museu do Ipiranga

Ao pisar no Parque da Independência, você terá a oportunidade de estar no mesmo lugar onde, há quase 200 anos atrás, o imperador Dom Pedro I proclamou a frase célebre que mais tarde se tornaria símbolo da independência do Brasil do Império Português. 

Como parte dos esforços para manter esse capítulo tão importante da história de nosso país viva, lá foram construídos o Parque da Independência e o belo Monumento do Ipiranga, que por si só, já valem a visita e as fotos.

A cereja do bolo, contudo, fica por conta do Museu do Ipiranga (conhecido ainda como Museu Paulista por alguns).

Trata-se simplesmente da oportunidade de conhecer um dos museus mais antigos de todo o Brasil: suas primeiras atividades remontam aos anos 1890, estando na vanguarda da preservação histórica e da pesquisa nacional ao ser administrado pela Universidade de São Paulo (USP).

Possui mais de cem mil peças em todo seu acervo: uma delas é o conhecidíssimo quadro Independência ou Morte, do artista Pedro Américo. Visite o Museu do Ipiranga e prestigie a história de nosso Brasil! 

Estação da Luz

Estação da Luz

Uma dica para quem procura o que fazer em São Paulo é usar o sistema de metrô da cidade para se deslocar com facilidade e segurança entre os principais pontos de interesse de Sampa.

A Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) disponibiliza mapas e pontos de informação para orientar os passageiros para cada destino específico, com as linhas divididas em cores e números bem simples e dinâmicos. 

Ao percorrer a metrópole paulista sobre trilhos, um destaque é a imponente Estação da Luz.

Construída no final do século XIX para servir á ferrovia São Paulo Railway, seu estilo mais se assemelha a um palácio, recebendo quase meio milhão de pessoas todos os dias.

A Estação da Luz ainda abriga atrações culturais como o Museu da Língua Portuguesa, um dos principais museus interativos do estado, permite ao visitante brincar e interagir com telas e painéis que contam a história de nosso idioma numa experiência divertida e contagiante para adultos e crianças.

É imperdível! 

Você vai viajar? Você sabe se seu plano de saúde tem cobertura nacional?

Diversos convênios médicos não oferecem cobertura fora da sua região! Não viaje preocupado! Contrate um Seguro Viagem Nacional para que tenha assistência médica e odontológica, seguro de bagagem extraviada, assistência jurídica e mais um tanto de benefícios.

Fazer Cotação

Expresso Turístico

Expresso Turístico

O último trem de passageiros regular em São Paulo deixou de circular em 2001, com o fim das atividades da extinta Fepasa, deixando um vazio na memória de gerações de paulistanos e paulistas.

Hoje, felizmente, quem nunca viajou de trem pode vivenciar essa experiência inesquecível com o Expresso Turístico da CPTM, um passeio inesquecível que leva você numa viagem de volta ao passado, quando os trens corriam velozes pela paisagem de São Paulo.

Você poderá aproveitar os itinerários oferecidos pela CPTM e ainda ter a oportunidade de dar uma esticadinha até a vizinha Jundiaí, marco zero da antiga Companhia Paulista de Estradas de Ferro, ou ainda a histórica vila de Paranapiacaba, nas redondezas de Santo André.

Construída pelos britânicos no final do século XIX para abrigar as operações da ferrovia, a vila guarda muito da tradição inglesa em sua arquitetura e no friozinho de montanha da Serra do Mar, quando visitado no passeio do Expresso Turístico, faz com que a experiência de passear de trem seja ainda mais inesquecível!

Maria Fumaça Trem dos Imigrantes

Quem procura o que fazer em São Paulo não demora muito a descobrir que a influência dos imigrantes italianos está por toda parte: no comércio, nos costumes e na arquitetura, todo aspecto da capital paulista carrega a contribuição desse povo valoroso e batalhador, que vendo as dificuldades da vida tomarem conta da Itália no final do século XIX, partiram numa aventura do outro lado do Atlântico para começar uma nova vida no paradiso chiamato Brasile.

Em São Paulo, a porta de entrada de milhões de imigrantes foi o bairro da Mooca, na histórica Hospedaria dos Imigrantes, construída em 1887.

Hoje, você terá a oportunidade de voltar no tempo e percorrer novamente esse trajeto de aventura e descoberta a bordo do Trem dos Imigrantes.

Puxado por uma pequena e charmosa locomotiva a vapor da antiga Estrada de Ferro Central do Brasil, o trem percorre a paisagem industrial da Mooca num trajeto que não é muito diferente do que foi visto pelos primeiros imigrantes.

Além do passeio de trem, você pode ainda conhecer o Museu da Imigração no próprio prédio da Hospedaria, que é uma oportunidade para muitas pessoas de não apenas conhecer um pedaço importante da História do Brasil, mas também de ter um encontro com suas próprias raízes.

Pinacoteca do Estado de São Paulo

Pinacoteca

Os apaixonados pela arte tem uma opção a mais de roteiro enquanto procuram o que fazer em São Paulo.

Situada nos arredores do Jardim da Luz, a Pinacoteca é um dos museus mais antigos existentes na capital paulista, tendo sida aberta no começo do século XX para abrigar um liceu de artes.

Lá, você poderá se encantar com um dos maiores acervos de arte moderna e contemporânea do Brasil abertos ao público, com exposições permanentes e itinerantes.

As exposições estão divididas nos prédios históricos do Jardim da Luz e a vizinha Estação Pinacoteca.

Vale muito a pena a visita!

O que fazer em São Paulo: Seus Bairros

Bairro do Bixiga

Bairro do Bixiga

Percorrer as ruas do Bixiga é viver a experiência da italianidade de forma intensa e envolvente.

É nesse bairro, tido como um dos mais tradicionais de Sampa, que as marcas da imigração se desenharam de forma marcante e permanente, podendo ser vistas até os dias de hoje.

Ao percorrer as ruas entre os casarões e sobrados, você poderá se encantar com as vilas e pensões que se imortalizaram em livros e novelas de época, além de ainda saborear uma deliciosa macarronada à moda da casa em uma das muitas cantinas que existem na região.

Algumas delas com décadas de existência, permitindo ao visitante um encontro com suas próprias origens ou, no caso de quem não é descendente de italianos, se deliciar com o que há de melhor na cultura dessa gente tão simpática e amável! 

Bairro da Liberdade

Torrii no Bairro da Liberdade

São Paulo foi formada a partir da união de vários povos. Desde os nordestinos que vieram em busca de trabalho até os italianos procurando uma vida nova, a paisagem de Sampa é uma colcha de retalhos formada por pessoas de várias culturas e origens.

Uma atenção especial, no entanto, é dada aos imigrantes japoneses, que deram meia volta no globo para tentarem uma vida nova em solo brasileiro.

Mesmo passados mais de 100 anos desde que o primeiro navio atracou com imigrantes no porto de Santos, a cultura oriental segue forte no Bairro da Liberdade. Lá, você se sentirá imerso na cultura e nos costumes da maior comunidade japonesa fora do Japão em todo o mundo.

Onde quer que você vá, você encontrará uma loja que venda porcelanas tradicionais, brinquedos e livros tradicionais, ou os inúmeros restaurantes que permitem ao turista a experiência única de saborear um genuíno sushi ou um verdadeiro yakissoba, tudo feito sob receitas que atravessam gerações que mantém sua cultura viva através das décadas.

Seja de dia ou de noite, visitar o Bairro da Liberdade é um ponto que não pode faltar em seu roteiro do que fazer em São Paulo – a experiência é simplesmente mágica e inesquecível! 

O que fazer em São Paulo: Lazer e Entretenimento

Estádio do Morumbi

Estádio do Morumbi

A capital paulista é o local ideal para quem é apreciador do bom e velho futebol: vários clubes nacionais de peso têm sua sede em Sampa, e suas arenas são cenário de duelos que são acompanhados em toda a América do Sul.

Ao procurar o que fazer em São Paulo, você poderá conhecer o maior estádio particular de todo o Brasil: construído nos anos 1960, o Estádio do Morumbi tem a capacidade de abrigar mais de 70 mil torcedores e é a sede do São Paulo Futebol Clube.

Além de poder assistir aos jogos das rodadas do Campeonato Brasileiro, você ainda pode conhecer o Memorial do SPFC, bar, livraria e buffet, dentre outras atividades que fazem do Morumbi o lugar ideal para passar um dia inteiro de muita diversão! 

Estádio do Pacaembu

Estádio do Pacaembu

Unindo o passado ao presente, visitar o Pacaembu é prestigiar a história do futebolismo nacional. O estádio se destaca na paisagem paulistana pelo seu estilo de construção em Art Deco, vertente arquitetônica que estava em alta nos anos 1940.

O Pacaembu foi sede de jogos da histórica Copa do Mundo de 1950, além de ser a arena que mais testemunhou vitórias do Palmeiras em toda sua história.

Hoje, quem visita o Pacaembu pode conhecer esse e outros feitos no Museu do Futebol, localizado sob as arquibancadas do estádio.

Além dos tradicionais duelos futebolísticos, o estádio ainda é sede de inúmeros shows e um campeonato de rugby.

Consulte a agenda de eventos com antecedência e aproveite! 

Autódromo de Interlagos

Autódromo de Interlagos

Um esporte que arrebata uma legião de fãs em todo o mundo, as corridas de automóvel tem seu lugar garantido no coração da capital paulista.

Quem procura o que fazer em São Paulo pode sentir a adrenalina correr pelo corpo ao assistir às competições nas pistas de Interlagos, que se sagrou há mais de 70 anos como uma das maiores e melhores pistas em todo o território nacional.

Sede da etapa do Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1, suas arquibancadas lotam de apaixonados pelo maravilhoso universo das corridas.

Para quem é apreciador de carros preparados e está há algum tempo no meio, existe ainda a modalidade track day: nela, você pode trazer seu próprio carro para percorrer as pistas do lendário autódromo, se sentindo piloto por um dia.

Vai encarar? 

Onde ficar em São Paulo

Booking.com

Onde comprar em São Paulo

Feirinha da Madrugada

São Paulo não é apenas o coração pulsante da economia brasileira para grandes empresas.

É também a oportunidade de negócios de muitos comerciantes de todos os cantos do Brasil buscarem mercadorias a excelentes valores para revenderem em suas cidades ou no caso de nós, os viajantes, voltarmos para casa com o guarda-roupa completamente renovado e com modelos de todos os tipos!

Na Feirinha da Madrugada (que ao contrário do que diz o nome, não acontece apenas durante a noite) você poderá encontrar roupas e acessórios de todos os tipos e modelos a preços bastante atraentes e acessíveis, em lojas e bancas que oferecem uma variedade infinita para você escolher à vontade.

Prepare o cartão de crédito e vamos às compras! 

Mercado Municipal de São Paulo

Mercado Municipal de São Paulo

Quem procura o que fazer em São Paulo acaba descobrindo um universo inteiro dentro da selva de aço, vidro e concreto que é a capital paulista.

O Mercado Municipal de São Paulo, ou Mercadão, como é conhecido pelos moradores de Sampa, é um exemplo dessa tendência.

Visitar seus amplos corredores é ter a chance única de experimentar cores, aromas e sabores de todos os cantos do Brasil e do mundo, desde as mais variadas frutas da Bacia Amazônica até os temperos e especiarias da Índia e da Europa disponíveis para venda á granel nas inúmeras bancas e empórios que lotam o ambiente.

Além da oportunidade de voltar para casa com o carrinho cheio, o Mercadão encanta seus visitantes com sua arquitetura trabalhada, seus vitrais coloridos de origem alemã e as colunas ecléticas com acabamento ricamente trabalhado, ornando o espaço desde a construção do prédio em 1933.

Você não pode perder essa viagem de sabor! 

Zona Cerealista

O bairro do Brás representa uma oportunidade extra para quem vê numa viagem a São Paulo uma janela para novas experiências.

Se você gosta de boa comida e procura sempre experimentar novas receitas e sabores, considere explorar as redondezas do Mercado Municipal e percorrer as ruas da Zona Cerealista, um conglomerado de empórios e mercados onde a palavra de ordem é alimentação saudável.

Desde variedades de arroz integrais até alimentos funcionais como a quinoa peruana ou o gergelim indiano, você descobrirá que a essência de se alimentar bem é muito mais simples e acessível do que você imagina! 

Galeria do Rock

Galeria do Rock

Construída no começo da década de 1960 como parte dos esforços para diversificar o movimento comercial no centro da capital paulista, a Galeria do Rock se consolidou como ponto de passagem obrigatório para quem procura o que fazer em São Paulo e não abre mão de uma boa música, se vestir bem ou então conhecer o que há de melhor nas culturas urbanas da metrópole.

Suas 450 lojas atendem geralmente a públicos bastante específicos, como os amantes de discos antigos, vinis, artigos esotéricos e cultura hippie.

Se você aprecia o bom e velho rock n’roll ou quer apenas passear por um local onde você se surpreende a cada canto, a Galeria do Rock é o passeio ideal para você! 

Rua 25 de Março

Você já deve ter ouvido falar da Rua 25 de Março.

Em praticamente qualquer cidade do Brasil, sempre há pelo menos uma pessoa que se especializa em viajar de tempos em tempos para São Paulo para buscar produtos para revender em sua cidade de origem

Tendência muito benéfica para nós, os viajantes, uma vez que as empresas de ônibus perceberam essa demanda e atualmente existem conexões com Sampa a partir de todos os estados brasileiros.

Nessa rua, você poderá percorrer o maior centro comercial de toda a América Latina: são quase cinco mil lojas que vendem produtos de todos os tipos, sejam eles nacionais ou importados.

Seja renovar o guarda-roupas, a cozinha, conseguir um celular de último tipo ou então trazer presentes para os parentes e a criançada, explorar a 25 de Março é entrar na própria essência urbana de São Paulo, construída pelo esforço e pelo trabalho de muitas mãos todos os dias. 

Onde comer em São Paulo

São Paulo apresenta uma grande variedade de estabelecimentos gastronômicos que dificilmente poderá ser encontrada novamente em qualquer canto da América do Sul.

Independentemente de estar na Sé, em Parelheiros, na Vila Carrão ou na Mooca, em cada canto de Sampa você sempre encontrará variedades de muitos estilos culinários que agradam a todos os tipos e gostos.

Aqui, nossa melhor recomendação é unir o útil ao agradável e trazer a experiência da descoberta cultural da Terra da Garoa para o almoço ou o jantar.

No icônico bairro do Bixiga, os restaurantes e cantinas italianas garantem uma refeição farta e carregada de muita tradição.

Algumas das melhores opções são a Cantina da Conchetta, a Taberna do Julio e a Cantina Roperto, que servem receitas de massas à moda da casa que atravessam até quatro ou cinco gerações, além de cartas de vinho que trarão um toque a mais para sua refeição.

Já quem é apreciador da cultura nipônica poderá, ao explorar o Bairro da Liberdade, provar um delicioso sushi no Restaurante Hong Re ou apetitoso yakissoba no Lamen Kazu, que se consagraram como os mais procurados de todo o bairro japonês.

Coxinha de 1kg

Já para quem gosta de um desafio casca-grossa com os amigos, um passeio à Zona Norte de São Paulo vai garantir momentos de muita diversão, além de barriga cheia para o resto do dia: é lá que se consagrou o nacionalmente famoso desafio de comer uma coxinha de nada menos que 1 kg de peso em dez minutos.

Isso mesmo!

A Panetteria ZN se tornou conhecida em todo o Brasil por promover a competição com o super-salgado, que premia o comilão que vender o torneio com uma vaga na “Grande Batalha” que ocorre no fim do ano valendo prêmios como celulares, além de não pagar pelo lanche.

E aí, você dá conta? 

Dicas para o viajantes de São Paulo

Um mundo dentro de outro mundo.

Essa é a impressão que a maior cidade de todo o Brasil deixa em seus visitantes, que saem encantados e extasiados com a pluralidade de vivências, experiências, formas, cores e sabores.

Deslocamento por São Paulo

Para se deslocar no Centro e adjacências, o metrô poderá ser seu maior aliado. A CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) disponibiliza painéis informativos de forma simples e intuitiva em cada estação, possibilitando uma orientação rápida em qualquer ponto em que você esteja.

Outra alternativa prática, barata e viável de deslocamento são os aplicativos de transporte.

Os mais consagrados, como Uber e 99, são de uso praticamente universal em Sampa, logo, quem procura o que fazer em São Paulo pode se valer dos serviços deles em quase qualquer ponto da capital e da região metropolitana.

Basta ter acesso à internet. 

Segurança em São Paulo

Como em qualquer outra metrópole, a discrição e a segurança são sempre palavras de ordem para garantir um passeio seguro e tranquilo. 

Mantenha o celular e a carteira sempre em local seguro, próximo ao corpo, e também evite andar com relógios, joias e objetos de valor ostensivamente.

Assim, você poderá explorar Sampa sem maiores transtornos e trazer excelentes recordações do coração da América Latina! 

O que você irá encontrar em São Paulo

O maior centro financeiro da América do Sul não é apenas uma terra de oportunidades para excelentes negócios, mas também um local onde cada pessoa, independentemente de seu estilo de vida, convicções pessoais ou objetivos se sentirá acolhida e parte de um universo que é o lar de mais de 11 milhões de seres humanos.

Quem se aventura a descobrir o que fazer em São Paulo trata consigo na volta a consciência de que somos ao mesmo tempo pequenos, enquanto o mundo é maior do que antes imaginávamos.

Até a próxima e boa viagem! 

Planeje sua viagem para São Paulo

Após um turbilhão de informações no decorrer desse post, vou te dar a última dica: Em viagem, tempo é dinheiro. Para economizar seu tempo, agrupei todos os sites que sempre utilizo em minhas viagens.

Para planejar uma viagem, começo sempre pela hospedagem. Quando minha intenção é descanso e curtir o hotel vou de Zarpo. Se for um passeio onde quero aproveitar todas as experiências da cidade prefiro o Booking.

É tão recomendável que chega a ser obrigatório. O seguro viagem tem muitos pontos positivos, mas o principal para mim são os cuidados relativos à saúde, você pode entender mais sobre o assunto no artigo “Porque contratar um seguro viagem nacional?” ou fazer cotação através do Seguros Promo.

#FicaAtivoNoCupom: até o dia 14/12/2020 o Seguros Promo está com uma promoção única de 15% de desconto em todos os planos de seguro viagem usando o cupom BRASIL. Ah! E pagando via boleto bancário você tem mais 5% de desconto.

Para evitar os famosos perrengue chique, eu prefiro fechar todos os meus passeios com antecedência, reservando eles pela nossas parceiras Viator e Civitatis.

O aluguel de carro garante a experiência única e exclusiva, sua viagem dificilmente vai ser igual de outro viajante. Através da RentCars, você consegue comparar preços entre 146 locadoras ao redor do Brasil.

O momento em que vou bater o martelo da data da próxima viagem, utilizo o site que encontro os melhores preços e promoções de passagens áreas: Passagens Promo.

A Resolvvi te ajuda a solucionar problemas de voos atrasados, cancelados, overbooking ou perda de conexão. Você só precisa contratá-la quando de fato passar pelo perrengue e só paga se ganhar a ação.

Decidiu não ir pelos ares? Quando eu viajo de ônibus, pesquiso os horários, preços e as linhas de destino pelo ClickBus.

Daniel Gualberto
O desejo de poder sempre viajar e compartilhar minhas dicas com a maior quantidade de pessoas, me levou a entrar no mundo dos blogs e mídias sociais, e um dia ter o Fica Ativo e Viaja (#FAV) como um das mais respeitadas referência em blog de viagens do Brasil.

Post relacionados

Daniel Gualberto

O desejo de poder sempre viajar e compartilhar minhas dicas com a maior quantidade de pessoa!

10FansLike
176FollowersFollow
41FollowersFollow
- Propaganda - spot_img
- Propaganda - spot_img
- Propaganda - spot_img
- Propaganda -
- Propaganda -

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.