O que fazer em Manaus: Dicas gerais, onde visitar e onde ficar

BrasilAmazonasO que fazer em Manaus: Dicas gerais, onde visitar e onde ficar

Ao falar do estado do Amazonas, você pensa em vastas e quentes florestas tropicais? Bom, é fato que ali pertinho da capital está a famosa e tão cobiçada Floresta Amazônica, mas a verdade é que a capital do maior estado do Brasil vai muito além. Mas é claro que a natureza está presente, proporcionando espetáculos como o encontro do Rio Negro e do Rio Solimões, as praias fluviais e outras atrações. Se interessou? Continue lendo e venha descobrir o que fazer em Manaus!

Com um processo de crescimento influenciado pelos tempos áureos da extração de borracha, em que se intensificou a imigração para a região, Manaus é uma metrópole com mais de 2 milhões de habitantes.

Como chegar em Manaus

Para chegar até Manaus, uma boa opção, principalmente para quem vem de longe, é fazer a viagem de avião. A própria cidade conta com um aeroporto, o Aeroporto Internacional de Manaus Eduardo Gomes. 

De carro, a via de acesso para a capital amazônica é a BR-174. No entanto, a viagem para quem vem de outras regiões costuma ser um pouco demorada e cansativa. 

De ônibus, você encontra linhas saindo das cidades Boa Vista, Rorainópolis, Pacaraima, entre outras. 

Uma opção utilizada pelos moradores são as viagens de barco, mas, nesse caso, a demora será ainda maior. De Belém a Manaus, por exemplo, são cerca de 4 dias de viagem.  

Qual a melhor época para visitar Manaus

O calor em Manaus é presente o ano inteiro. A diferença entre as estações é principalmente a chuva: nos meses entre junho e novembro, chove menos, o nível das águas dos rios vai baixando ao longo dos meses, formando as praias fluviais. Já nos meses restantes, as chuvas mais intensas aumentam o nível das águas e aos poucos vão cobrindo as praias fluviais; por outro lado, é a época propícia para passeios de canoa nos trechos de floresta inundada. Para resumir, diferentes épocas proporcionam experiências de viagem diferentes, por isso, leve em consideração seu gosto para decidir o que fazer em Manaus e assim programar em que época viajar. 

Quantos dias ficar em Manaus

Com cerca de 3 dias completos, você consegue aproveitar as melhores dicas do que fazer em Manaus. 

O que fazer em Manaus

Centro Histórico

O Centro Histórico de Manaus é formado principalmente por edifícios construídos no período da borracha, entre o final do século XIX e o início do século XX. Foi tal o desenvolvimento da cidade nessa época, chamada de Belle Époque brasileira, que Manaus ficou conhecida como “Paris dos trópicos”. Abaixo você verá mais sobre alguns dos edifícios que fazem parte do Centro Histórico.  

Mercado Municipal Adolpho Lisboa

O Mercado Municipal Adolpho Lisboa foi inaugurado em 1883, um dos exemplares que fizeram parte da época da borracha. Seu estilo é art nouveau, inspirado em um mercado parisiense. Quem procura artigos regionais ou artesanato deve incluir uma passadinha no Mercado em seu roteiro do que fazer em Manaus.

Teatro Amazonas

Outro grande símbolo cultural de Manaus é o Teatro Amazonas. Inaugurado no ano de 1896, o Teatro possui estilo renascentista. Na parte superior, se destaca a cúpula, nas cores da bandeira brasileira. Seu interior é cheio de esplendor, e tem capacidade para 701 pessoas. No teto do Salão de Espetáculos, pinturas parisienses representam as artes. O teatro conta, ainda, com um museu, que reconta a história deste importante edifício manauara. Quem gosta de história e cultura e busca o que fazer em Manaus deve conhecer o Teatro. 

Palacete Provincial

O Palacete Provincial é um espaço de cultura no centro de Manaus. Fundado em 1874 e reinaugurado após uma grande reforma em 2009, o prédio já foi o Quartel da Polícia Militar do Amazonas e sede do governo da província do Amazonas. Hoje tombado pelo IPHAN, o Palacete abriga em seu espaço cinco Museus mantidos pela Secretaria do Estado da Cultura:  O Museu da Imagem e do Som; Museu de Arqueologia; Museu Tiradentes; Museu de Numismática do Amazonas e a Pinacoteca do Estado. Seu funcionamento é de terça a sábado, das 9 da manhã às três da tarde. A entrada é gratuita, e o turista pode aproveitar tanto o passeio aos museus quanto as atividades culturais realizadas na Praça da Polícia, em frente ao prédio.
 

Palácio Rio Negro

Atualmente centro cultural, o Palácio Rio Negro é um edifício cheio de história: pertenceu inicialmente ao chamado “Barão da Borracha”, Waldemar Scholz, e foi construído no início do século XX em estilo eclético. Mais tarde, o Palácio se tornou sede do governo do estado, além de residência do governador até que, em 1997, foi transformado em Centro Cultural, passando a receber uma série de atividades culturais, como recitais, lançamentos de livros e exposições. 

Espaço Cultural Largo de São Sebastião

Se você procura o que fazer em Manaus para ter um passeio completo que reúna atividades culturais, artísticas, visitas históricas e uma boa gastronomia, o Largo de São Sebastião é destino certo! Localizado no centro da cidade, o Largo reúne o melhor da capital amazonense. Com extensão por todo o perímetro da Praça de São Sebastião, o Largo de São Sebastião abriga monumentos históricos que você não pode deixar de visitar. O primeiro, Monumento de Abertura, é todo feito em mármore e tem duas figuras em seu topo representando a Amazônia e Hermes, deus do comércio, além de diversos outros detalhes que fazem deste um importante monumento histórico. Caminhando para o lado direito você encontra a Igreja que nomeia o Largo: A Igreja de São Sebastião, que com sua iluminação noturna impressiona os visitantes. Ainda nesse perímetro é possível visitar o belíssimo Teatro Amazonas que apresentamos anteriormente. Além disso, no Largo de São Sebastião você vai encontrar os mais diversos espaços culturais, museus, casas históricas e galerias, bem como boas opções de restaurantes para um happy hour com a família ou os amigos. Por fim, o Largo de São Sebastião se torna um atrativo a mais por ser palco dos mais diversos eventos culturais ao ar livre, shows, espetáculos de dança, teatro e artes, festivais, espetáculos de natal e programações carnavalescas! É de agradar a todos os públicos!

Museu do Seringal

Você já viu que o período da borracha possui uma grande importância na história do estado. Se você está procurando o que fazer em Manaus para conhecer um pouco mais sobre esse momento histórico, o Museu do Seringal será uma boa escolha. O Museu, na verdade, é um cenário construído para o filme A Selva, e reproduz um seringal amazonense real. A aventura começa ao chegar até lá: o passeio é feito de barco ou lancha, em um trajeto que dura cerca de 20 minutos. No Museu, você encontra a reprodução da casa do patrão, a capela, o armazém, as casinhas onde viviam os seringueiros, a casa de farinha e a casa de banho. Na visita ao Museu, os guias acompanham e trazem informações históricas, enriquecendo a experiência. 

Museu da Amazônia

Imagine quantos mistérios e curiosidades um lugar como a Amazônia guarda… A proposta do Museu da Amazônia ou apenas MUSA é apresentar um novo olhar sobre a floresta. Neste Museu, é possível percorrer trilhas, subir até a torre de observação para uma incrível  vista do alto, conhecer belezas como o lago de vitórias-régias, descobrir mais sobre o mundo da botânica no Jardim Sensorial, conhecer laboratórios experimentais de serpentes, borboletas, insetos e outros seres, além de uma diversidade de exposições. É mais uma opção para quem procura o que fazer em Manaus para alimentar sua curiosidade e conhecer melhor o grande patrimônio que é a Amazônia. 

Parque Ecológico do Lago Janauari

Um passeio que certamente vale a pena incluir em seu roteiro do que fazer em Manaus é o Parque Ecológico do Lago Janauari. São mais de 9 mil hectares, que mesclam terra firme, várzea e igapós  (floresta inundada) nos períodos de cheia. Neste passeio, que é feito de barco, você pode contemplar a natureza em sua força e diversidade. A vitória-régia, símbolo da Amazônia, está presente, assim como a Samaúma, árvore de 60 metros conhecida como rainha das árvores. 

Zoológico do Centro de Instrução de Guerra na Selva

Aqueles que amam conhecer de perto os animais que não vemos normalmente por aí vão aproveitar o Zoológico da CIGS. Lá você encontra diversas espécies como jacarés, cobras, aves raras e macacos. O destaque fica por conta do viveiro das onças, em que os visitantes passam por uma passarela de concreto, por cima deste imponente animal. É também uma boa opção para quem está se perguntando o que fazer em Manaus com as crianças. 

Praia da Lua

Que o Brasil é cheio de praias a gente já sabe, mas é bem possível que você não conheça as praias fluviais: isso mesmo, praias formadas à beira do rio. A Praia da Lua se forma à margem do Rio Negro, com areia branca e algumas barracas em seu entorno vendendo comidas regionais. É possível nadar nas águas limpas do rio, curtir um pôr-do-sol ou simplesmente aproveitar o clima de relaxamento. O acesso é feito por meio de barco ou lancha. 

Praia de Ponta Negra

Mais urbana, a Praia de Ponta Negra é outra praia fluvial de Manaus, a apenas cerca de 13 quilômetros do Centro. É formada apenas nos períodos de baixa do Rio Negro. Sua orla foi revitalizada recentemente e possui uma boa infraestrutura, com calçadão, jardins, quadras e outras atrações. 

Encontro das águas do Rio Negro e Solimões

Outro impressionante fenômeno proporcionado pelos rios que você deve incluir no seu roteiro do que fazer em Manaus é o Encontro das Águas. O Encontro acontece entre o Rio Negro e o Rio Solimões, que correm lado a lado sem se misturarem por cerca de 6 quilômetros. É possível ver perfeitamente o encontro devido à diferença de cor das águas: o Rio Negro possui águas escuras, enquanto o Rio Solimões possui águas cor de barro. Este fenômeno – o encontro dos rios sem que estes se misturem – acontece por causa da diferença na temperatura, densidade e velocidades de ambos. 

Visita a uma tribo indígena

A região de Manaus é habitada por diversas tribos indígenas, e muitas delas são abertas ao turismo. Uma experiência cultural riquíssima para quem busca o que fazer em Manaus é uma visita a um desses grupos. É possível fazer tours partindo de Manaus e participar de cerimônias, apreciar um pouco da alimentação dos indígenas e se aproximar da cultura dos povos originários do nosso país. 

Jardim Botânico Adolpho Ducke

Para ter mais um gostinho da exuberância natural do Brasil, outro atrativo de Manaus é a Reserva Florestal Adolpho Ducke. Você pode percorrer as trilhas, conhecer as exposições e eventos voltados ao tema ambiental, a biblioteca e outros atrativos, tudo isso em meio às belas paisagens tropicais. 

Onde comer em Manaus

Depois de tantos passeios, nada melhor do que parar para comer. Mas a gente sabe que o viajante na maioria das vezes não quer só matar a fome, mas também reunir mais experiências daquele destino. Se você procura o que fazer em Manaus para ter uma boa experiência gastronômica, veja aqui algumas dicas.

A primeira delas é o Restaurante Banzeiro. Por ali você encontra sabores regionais em pratos sofisticados, sob o comando do chef Felipe Schaedler. Para os que possuem um paladar mais aventureiro, o Banzeiro possui algumas opções mais exóticas como a formiga saúva com espuma de mandioquinha. Mas se isso não aguça seu apetite, você encontra também outras deliciosas opções de pratos principais, entradas e sobremesas. 

Se o seu forte são as carnes, o lugar pra você é o La Parrilla. A churrascaria é famosa pelos cortes que vêm diretamente da Argentina e do Uruguai, além da linguiça produzida em Manaus e de outros cortes e guarnições. 

Outra boa recomendação é o Fitzcarraldo, restaurante contemporâneo que une a inspiração internacional com os marcantes sabores regionais. O restaurante fica no Hotel Villa Amazônia e é comandado pelos chefs Bruno Lorenzoni e Ana Paula Sousa. 

O que fazer nos arredores de Manaus

Quem vai para Manaus tem muitas atrações para conhecer, mas, caso queira dar uma esticada pelos arredores, uma boa opção é conhecer o Parque Nacional de Anavilhanas. A sede do Parque é a cidade de Novo Airão, e é possível chegar até lá por via terrestre ou de barco. O Parque compreende o arquipélago fluvial e a floresta em seu entorno, proporcionando belíssimas paisagens. 

Anote essas dicas sobre o que fazer em Manuas

Quem gosta de vivenciar intensamente a experiência da Floresta Amazônica pode buscar na região um hotel de selva, que permite integrar a hospedagem com a experiência da floresta. Fique tranquilo, pois as opções são diversas e vão desde hotéis mais rústicos a hotéis cheios de confortos. 

Gostou dessas dicas do que fazer em Manaus?

Boa viagem e aproveite a cidade!

Daniel Gualberto
O desejo de poder sempre viajar e compartilhar minhas dicas com a maior quantidade de pessoas, me levou a entrar no mundo dos blogs e mídias sociais, e um dia ter o Fica Ativo e Viaja (#FAV) como um das mais respeitadas referência em blog de viagens do Brasil.

Post relacionados

Daniel Gualberto

O desejo de poder sempre viajar e compartilhar minhas dicas com a maior quantidade de pessoa!

10FansLike
176FollowersFollow
42FollowersFollow
- Propaganda - spot_img
- Propaganda - spot_img
- Propaganda - spot_img
- Propaganda -
- Propaganda -

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.